O NÚMERO de mulheres que ocupam funções importantes na política estagnou no ano passado no mundo, segundo dados publicados na quarta-feira pela ONU e qualificados de "preocupantes" pela agência das Nações Unidas para a igualdade de género. Em 2016 havia 17 mulheres chefes de Estado e de governo, contra 19 no ano anterior. As mulheres ganharam 22,3% de cadeiras nas eleições do ano passado, uma baixa em relação aos 25% de 2015. "Estes resultados são um sinal de alarme", destacou Phumzile Mlambo-Ngcuka, directora da agência ONU Mulheres. "Continua a faltar a voz das mulheres lá onde é mais necessário", acrescentou. Mlambo-Ngcuka qualificou estes dados, assim como a incapacidade de melhorar o grau de representação das mulheres na vida política, como "preocupantes".

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 68,74 68,84
ZAR 5,42 5,43
EUR 73,76 73,87

17.03.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

É DELICADO o assunto que trago para esta semana, porque susceptível de ...
2017-03-22 07:46:11
NA semana passada, a Comissão Nacional de Eleições (CNE) ...
2017-03-23 23:30:00
DEMOCRACIA é um conceito actualmente usado, de forma arbitrária, em ...
2017-03-22 23:30:00
TIVE há dias o privilégio de escalar a cidade de Monróvia, a ...
2017-03-24 23:30:00
NUMA iniciativa pouco comum entre nós, a Ordem dos Advogados de ...
2017-03-23 23:30:00