UM relatório apresentado quarta-feira por uma comissão das Nações Unidas acusa Israel de ter estabelecido um regime de “apartheid” contra o povo palestino. O documento já enfureceu as autoridades israelitas, enquanto o Secretário-Geral da ONU, António Guterres, se demarcou do documento. O texto, divulgado pela Comissão Económica e Social para a Ásia Ocidental da ONU, concluiu que existem provas de que “além de qualquer dúvida razoável Israel é culpado de políticas e práticas que constituem crime de ‘apartheid’, como está legalmente definido nos instrumentos jurídicos internacionais”. A comissão tem a sua sede em Damasco e é composta por 18 países do norte de África e do Médio Oriente, incluindo a Palestina. A embaixadora dos EUA nas Nações Unidas, Nikki Haley, disse estar “indignada” e reiterou o apoio de Washington a Israel.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 64,48 65,73
ZAR 4,94 5,04
EUR 70,17 71,54

27.04.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

DENTRO de uma semana, ou seja a 5 de Maio, termina a trégua militar ...
2017-04-27 23:30:00
HÁ dias quis o destino que eu testemunhasse um episódio ...
2017-04-26 23:30:00
NA última segunda-feira o clima estava muito ameno para os citadinos de ...
2017-04-26 23:30:00
DE entre muitas, lembro-me do termo de café que Benjamim Faduco, jornalista ...
2017-04-27 23:30:00