NOVENTA e nove pessoas, incluindo 18 crianças, foram mortas sexta-feira em confrontos entre forças da ordem e milicianos em Kananga e Kasai Central (centro da República Democrática do Congo (RDCondo), soube-se de fonte oficial. Devido à sua suposta pertença à milícia de Kamuina Ndapu, em Kananga, e nos territórios de Dibaya e Kaumba, na província do Kasai Central, estes indivíduos pereceram nos combates, segundo os resultados dum inquérito especial do Gabinete Conjunto das Nações Unidas para os Direitos Humanos (BCNUDH) transmitido sexta-feira à PANA. Segundo o relatório do BCNUDH, 42 pessoas, das quais 20 crianças, ficaram feridas, 46 crianças foram detidas e sequestradas arbitraria e ilegamente e pelo menos sete outras foram dadas como desaparecidas, actos imputados a soldados das Forças Armadas da RD Congo (FARDC). Em retaliação, as milícias de Kamuina Nsapu mataram dois chefes religiosos e feriram uma criança com uma arma branca, raptando uma pessoa e incendiando várias habitações privadas bem como dois comissariados de Polícia e duas escolas.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,74 61,93
ZAR 4,59 4,68
EUR 71,31 72,71

21.08.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

UM dos temas que está a dominar as conversas, pelo menos a nível da ...
2017-08-22 23:30:00
TAL como me referi nos últimos parágrafos do texto anterior, as ...
2017-08-22 23:30:00
FILIPE Nyusi traçou um novo diagrama que ficará indelevelmente marcado ...
2017-08-22 23:30:00