Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

A PLATAFORMA da sociedade civil “Sala da Paz” considera que os munícipes das 53 autarquias do país exerceram quarta-feira o seu direito cívico com responsabilidade e compromisso.

Simão Dila, representante do grupo, disse ontem na cerimónia de divulgação da avaliação final das eleições autárquicas que, de acordo com a análise feita pela plataforma, registou-se baixa ocorrência de incidentes relativamente aos pleitos anteriores.

Dila apontou como aspecto positivo o posicionamento nas assembleias de voto de todos os órgãos eleitorais e actores envolvidos directamente no processo de votação, nomeadamente a Comissão Nacional de Eleições (CNE), o Secretariado Técnico de Administração Eleitoral (STAE), a Polícia da República de Moçambique (PRM), partidos políticos, coligações de partidos, grupos de cidadãos eleitores e organizações de sociedade civil.

Considerou positiva a actuação dos órgãos de comunicação social que cobriram o evento e divulgaram informações em tempo real.

Dos pequenos incidentes registados, destaca-se, segundo o representante da “Sala da Paz”, a demora na abertura de mesas de assembleias de voto, embora numa margem reduzida comparativamente ao horário estabelecido para o arranque do processo.

Notou-se em algumas assembleias a falta de urnas, interrupção do funcionamento de algumas mesas por insuficiência de material, ausência de membros de voto, distúrbios, entre outras irregularidades.

Relativamente à campanha eleitoral, que decorreu de 25 de Setembro a 7 de Outubro, os 250 observadores da plataforma que cobriram o evento concluíram que os diferentes grupos concorrentes realizaram as suas actividades de “caça” ao voto em ambiente calmo, priorizando o contacto directo com o eleitorado.

A plataforma refere-se ao registo de casos isolados de ilícitos e incidentes eleitorais, sendo que os graves ocorreram nos municípios de Tete, Bilene e Guruè.

Simão Dila avançou que foram registados 28 ocorrências, entre as quais cinco óbitos por acidente, detenção de 26 cidadãos e 14 casos de ilícitos eleitorais.

A fonte indicou que a campanha eleitoral foi também marcada por debate de ideias, no qual membros de diferentes grupos concorrentes apresentaram as suas propostas de governação sem ofender o outro.

Entretanto, a plataforma refere-se à actuação da Polícia durante a campanha eleitoral, afirmando que houve situações que podiam ter sido evitadas. A título de exemplo, falou dos casos da província de Gaza, onde partidos concorrentes se queixaram da falta de acompanhamento e de Tete, onde houve algum excesso e parcialidade no tratamento de dois incidentes violentos ocorridos.

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction