Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

Opinião

Politica

O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, incentivou os agentes económicos nacionais a serem mais proactivos na conquista de mercados para a internacionalização das ...

sexta, 20 julho 2018
Leia +

Economia

O Afreximbank está a fazer um estudo sobre a economia de Moçambique, para depois definir em que áreas e com que montantes vai ajudar, disse à Lusa o director do ...

segunda, 16 julho 2018
Read more
Pub
SN

Desporto

A LIGA Desportiva desloca-se amanhã ao Zimpeto para medir forças com o Maxaquene, num jogo que pode ditar a liderança para os “muçulmanos” em caso de ...

sexta, 20 julho 2018
Leia +

Nacional

METADE dos mais de 160 mil habitantes do distrito de Nicoadala, na Zambézia, enfrenta grave carência de água potável para suprir as suas necessidades diárias, o que ...

sexta, 20 julho 2018
Leia +

O MINISTÉRIO dos Recursos Minerais e Energia anuncia para hoje a entrada em vigor de novos preços de combustíveis. Deste modo, o litro da gasolina, que custava 65.1 meticais, passa a ser vendido ao público por 66.03 meticais; o gasóleo registou um aumento de 61.16 meticais para 62.92 meticais, enquanto o petróleo de iluminação baixou de 50.45 meticais para 50.33 meticais.

Em conferência de imprensa ontem, em Maputo, o director nacional de Hidrocarbonetos e Combustíveis, Moisés Paulino, disse que o GPL (gás de cozinha), que era vendido a 65.18 meticais, registou uma descida para 60.94 meticais. O gás natural veicular passa a ser comercializado a 31.97 meticais contra os anteriores 31.54 meticais.

“Actualizamos os preços dos combustíveis com base no Decreto 45/2012 de 28 de Dezembro, que no seu artigo 67º obriga a que façamos ajustamentos numa base mensal, existindo condições para isso”, disse.

De acordo com Moisés Paulino, os novos preços são o resultado do cálculo que foi feito em função da realidade do custo do crude no mercado internacional e a influência da taxa de câmbio.

“O Governo continuará a subsidiar os segmentos da sociedade como transportes semicolectivos de passageiros, a agricultura, produção de energia em sistemas isolados e pesca artesanal”, disse.

Na mesma ocasião, Martinho Guambe, da Associação das Empresas Petrolíferas de Moçambique (AMAPETROL), referiu que a situação dos preços do crude no mercado internacional está a contribuir para o encarecimento da importação.

Por seu turno, o director geral da Importadora Moçambicana de Petróleos (IMOPETRO), João Macanja, não excluiu a possibilidade de novas revisões em alta no futuro, tomando em consideração que o crude custa actualmente 78 dólares norte-americanos, valor nunca atingido desde 2014.

A última revisão dos preços dos combustíveis no país foi feita em Março.

Sábados

TEMA DE ...

A alegoria da caverna de Platão é esclarecedora quanto ...

CLICKADAS

...

José Craveirinha, o nosso poeta maior, escreveu: “O ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction