UM total de 1293 cidadãos em situação de vulnerabilidade beneficiou há dias de assistência do Instituto Nacional de Acção Social (INAS) no distrito municipal KaTembe, na cidade de Maputo.

Trata-se do valor em atraso do último trimestre do ano transacto, do Programa de Subsídio Social Básico. A iniciativa é direccionada a pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade e que estejam impossibilitadas de trabalhar, entre idosos e portadores de deficiência física ou mental.

Os valores que os beneficiários recebem variam de 390 a 610 meticais, em função do número dos membros do agregado familiar.

De acordo com Ancha Ussene, directora do Gabinete da Mulher, Criança e Acção Social no distrito municipal KaTembe, o programa alcançou cinco bairros, sendo que Nguide teve 236 beneficiários, Chamissava 427, Incassane 315, Guaxene 97 e Chali 216.

O subsídio beneficiou também 112 pessoas da terceira idade que vivem no lar de idosos localizado no bairro Incassane, sob tutela do INAS.

Presente no acto, Estêvão Mondlane, delegado do INAS na cidade de Maputo, afirmou que o processo abrange todos os beneficiários inscritos no programa naquele distrito.

Referiu que com o valor os beneficiários poderão ajudar os seus agregados familiares comprando produtos alimentares e outros bens de sobrevivência. Acrescentou que o montante se destinasobretudo a idosos que cuidam da educação dos netos.

“Estamos a sensibilizar os beneficiários para que façam o uso racional do valor que receberam. A nossa intenção é que o fundo tenha um impacto positivo na vida destas pessoas e suas famílias”, disse, acrescentando que faz um balanço positivo da actividade no distrito.

Sem falar em datas, disse que em breve os beneficiários vão receber o valor dos primeiros meses deste ano.

Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 20 Outubro 2017
O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, manifestou há dias, e de forma particularmente severa, a sua preocupação em relação aos elevados índices de corrupção que se registam no país, tanto no sector público quanto no... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Caia vira corredor de desenvolvimento
Quinta, 19 Outubro 2017
O ADMINISTRADOR do distrito de Caia, João Saize, considerou, há dias, em entrevista ao nosso Jornal, que nos últimos oito anos a região se transformou num verdadeiro corredor de desenvolvimento, com a entrada em funcionamento da Ponte Armando Guebuza, em Agosto de 2009. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,70 61,84
ZAR 4,43 4,51
EUR 71,53 72,88

11.10.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

HÁ alguns anos, o Governo do ex- presidente moçambicano, Joaquim ...
2017-10-20 23:30:00
MAIS um linchamento ocorreu ao princípio desta semana na cidade da Beira, ...
2017-10-20 23:30:00
TURMA, não posso ignorar esta chamada, serei rápido. Enquanto estou ...
2017-10-20 23:30:00
MOCÍMBOA da Praia, na província de Cabo Delgado, está desde ...
2017-10-19 23:30:00
Passam cerca de duas semanas que contei a história onde o personagem ...
2017-10-19 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1742 visitantes em linha