AS autoridades municipais estão a dialogar com parceiros no sentido de financiar a implementação de projectos autárquicos que concorram para a melhoria da qualidade de vida dos munícipes.

 

Entre as obras que carecem de financiamento destacam-se estradas e construção e/ou manutenção de recintos públicos. O objectivo é mudar a face dos sete distritos municipais de Maputo.

“Queremos construir e reabilitar vias de acesso e outros locais públicos que propiciem a normal prossecução das actividades do dia-a-dia. O desejo é criarmos também espaços seguros, aliado à garantia de melhores condições de vida para os munícipes”, disse David Simango, presidente do Conselho Municipal da cidade de Maputo.

Como exemplo dos esforços para a melhoria da qualidade de vida dos munícipes, David Simango citou os trabalhos de reabilitação de passeios nas avenidas 24 de Julho e Albert Luthuli, para além da construção de jardins e parques infantis.

Segundo David Simango, no distrito municipal KaMaxakeni, o município e parceiros vão investir, em breve, mais de 250 mil dólares em iniciativas tendentes a criação de espaços de lazer e desportivos, sobretudo para crianças e jovens.

Recentemente, foram entregues 14 ruas no bairro do Jardim, numa extensão de 4,2 quilómetros, após reabilitação, que vão permitir maior fluxo no trânsito automóvel.

Também estão a ser feitas intervenções na Avenida JuliusNyerere, para além da reconstrução do Mercado da Polana Caniço, também conhecido por Mucoreano, a reabilitação dos acessos e vedação da lixeira do Hulene, a construção de valas de drenagem e pavimentação do prolongamento da rua da linha ligando a Cândido Mondlane e Praça dos Combatentes.

Na sua recente visita ao Distrito Municipal KaMubukwana, reconheceu que as obras de construção da rua da Paz e a via que parte da Avenida Lurdes Mutola até à EN1 (no bairro de Bagamoyo) decorrem a um ritmo lento, mas assegurou que os prazos serão cumpridos, ou seja, os trabalhos serão entregues até Novembro.

Explicou que houve necessidade de se ajustar da rua da Paz, uma vez que havia serviços de electricidade e água mal colocados.

“Asseguramos às comunidades de Mahlazine, George Dimitrov e Bagamoyo, que as estradas estão a ser construídas. As obras estão dentro do calendário, pelo que não haverá atrasos na entrega”, afirmou Simango.

Para o presidente do município estas rodovias têm importância acrescida, porque permitem a ligação entre bairros, o que vai aliviar o trânsito em avenidas como Lurdes Mutola e de Moçambique.

Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 21 Julho 2017
Há pelo menos duas sensações com que se fica, lendo as conclusões e recomendações da última missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) a Moçambique, no final de uma visita de pouco mais de uma semana. Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Actriz Lina Marcos: Uma história de vida que...
Segunda, 24 Julho 2017
A HISTÓRIA da actriz Lina Marcos está carregada de muitas lições de vida, sobretudo no que às relações amorosas diz respeito. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,16 61,29
ZAR 4,58 4,67
EUR 68,75 70,04

17.07.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

MUITOS dos que na sua rotina diária passam pela zona onde perfilavam barracas ...
2017-07-24 07:25:15
DEU para ver, numa das sextas-feiras, pouco depois das 21.00 horas, em plena Avenida ...
2017-07-24 07:23:34
ENQUANTO muitos debatem a opinião do Chefe do Estado moçambicano sobre ...
2017-07-21 23:30:00
O FUTEBOL é um dos desportos mais “cabeça dura” que ...
2017-07-21 23:30:00
HÁ dias o académico José Diquissone Tole, também ...
2017-07-21 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 2901 visitantes em linha