A Reserva Especial de Maputo recebeu 1.524 animais bravios de diferentes espécies. Trata-se de 450 impalas, 281 zebras, 131 bois-cavalos, 50 cudos, 251 inhalas e 361 pivas.

Um comunicado de imprensa do Ministério da Terra, Ambiente e Desenvolvimento Rural, enviado à Redacção da AIM, refere que a translocação teve lugar no período compreendido entre 17 de Julho último a esta parte.

“Alguns destes animais vêm da Reserva Natural de Ezemvelo, na África do Sul, outros, do Big Game Parks, na Swazilândia, e do Parque Nacional da Gorongosa, este localizado na província de Sofala”, lê-se no documento.

No que se refere à África do Sul e Swazilândia, os animais fazem parte de uma doação dos governos destes países no âmbito do Acordo Transfronteiriço dos Libombos assinado a 22 de Junho de 2000.

O processo de translocação de animais está a decorrer sem sobressaltos. “Devido ao elevado potencial para o turismo na região, o ecoturismo foi considerado como prioridade para o desenvolvimento das comunidades. Assim, a entrada de animais na reserva abre um espaço para o aumento do número de turistas e, consequentemente, das receitas”, explica o documento.

Com uma área estimada em 1.040 quilómetros quadrados, a Reserva Especial de Maputo conserva diferentes espécies da fauna bravia como é o caso de elefantes, bois-cavalos, cudos, crocodilos, inhalas, hipopótamos, diferentes espécies de aves, entre outras.

Dados do censo realizado em 2015 apontam a existência de mais de 4.200 animais de diferentes espécies, dos quais 650 são elefantes, um dos maiores atractivos naquele espaço de conservação.

O repovoamento da reserva acontece numa altura em que o governo moçambicano está a intensificar medidas de controlo de acções de caçadores furtivos, através da melhoria do seu quadro legal, fortalecimento e alocação de meios necessários para as equipas de fiscalização e melhoria das parcerias público-privadas, entre outras actividades.

(AIM)

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 20 Outubro 2017
O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, manifestou há dias, e de forma particularmente severa, a sua preocupação em relação aos elevados índices de corrupção que se registam no país, tanto no sector público quanto no... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Caia vira corredor de desenvolvimento
Quinta, 19 Outubro 2017
O ADMINISTRADOR do distrito de Caia, João Saize, considerou, há dias, em entrevista ao nosso Jornal, que nos últimos oito anos a região se transformou num verdadeiro corredor de desenvolvimento, com a entrada em funcionamento da Ponte Armando Guebuza, em Agosto de 2009. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,70 61,84
ZAR 4,43 4,51
EUR 71,53 72,88

11.10.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

HÁ alguns anos, o Governo do ex- presidente moçambicano, Joaquim ...
2017-10-20 23:30:00
MAIS um linchamento ocorreu ao princípio desta semana na cidade da Beira, ...
2017-10-20 23:30:00
TURMA, não posso ignorar esta chamada, serei rápido. Enquanto estou ...
2017-10-20 23:30:00
MOCÍMBOA da Praia, na província de Cabo Delgado, está desde ...
2017-10-19 23:30:00
Passam cerca de duas semanas que contei a história onde o personagem ...
2017-10-19 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 855 visitantes em linha