Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

Centenas de viaturas apreendidas devido a infracções diversas no processo da sua importação estão a degradar-se nos parques das Alfândegas, com destaque para os da cidade de Maputo, uma das principais portas de entrada de veículos encomendados, sobretudo do Japão. Leia mais

Comments

AS obras de construção do Nó de Tchumene, que vai ligar as estradas Circular de Maputo e a Nacional Número Quatro (EN4), na Matola, paralisadas em Janeiro de 2017, serão retomadas esta semana. Leia mais

Comments

ESTÃO em curso os trabalhos de reconstrução e requalificação do mercado Santos, localizado junto à Estrada Velha da Matola, no quadro dos esforços do Conselho Municipal e parceiros em melhorar as condições de segurança, higiene e acolhimento dos vendedores. Leia mais

Comments

Vários postos de captação de dados para a tramitação do Bilhete de Identidade (BI), na cidade de Maputo, estão a registar enchetes, desde a última terça-feira.

O cenário acontece numa altura em que surgiram rumores dando conta de que os documentos de identificação e de viagem sofreriam um agravamento a partir do próximo dia 1 de Setembro.

A nossa equipa de reportagem conversou com alguns dos munícipes que esperavam em longas filas para tratar o documento de identificação, num dos postos da DIC.

Lázaro Manhiça Júnior, residente no bairro do Ferroviário, disse que, hoje, aproximou-se ao balcão de captação de dados, porque o seu bilhete de identidade está caducado e teve acesso às mensagens veiculadas nas redes sociais que “desinformavam” o agravamento das taxas dos documentos.

“Não acreditei nessa informação, porque não houve divulgação das novas taxas nos órgãos de comunicação”, disse Manhiça Júnior, que permanecia á espera pela sua vez no atendimento.

Apesar de estar ciente que as redes sociais não são canais seguros para dissiminar informações oficiais, Edson Neves, apontou que o boato o fez acelerar a necessidade de renovar o seu Bilhete de Identidade.

“Em algum momento, pensei que fosse uma notícia verídica, mas felizmente li em jornais que se trata duma mentira”, completou Neves.

O porta-voz da Direcção Nacional de Identificação Civil (DINIC), Alberto Sumbane, refere que tal é o caso do Serviço Nacional de Migração que veio a público desmentir estas alegações.

“As autoridades competentes têm canais apropriados para informar aos cidadãos de qualquer que seja o aumento da taxa destes documentos. Neste sentido, o valor para a obtenção do passaporte continuará a 2.400 e do BI a 90 meticais para crianças e 165 para adultos”, clarificou o porta-voz, reiterando que o governo não tem intenção de aumentar as taxas.

Acrescentou que, a DINIC e o SENAMI estão atentos aos debates que têm passado nos diferentes órgãos de comunicação afirmando que o governo estaria a recuar devido as reclamações dos cidadãos.

Ao que a fonte rebateu “estamos interessados em elevar as taxas de moçambicanos com identificação. A propósito reduzimos o valor do documento de 180 para 165 meticais, de modo a que todos tenham a possibilidade de pagar pelo serviço”.

Concluiu que ainda eram desconhecidos os percursores deste boato e intenções por detrás destas informações falsas.

Comments

Dois funcionários do Estado, afectos à Direcção Nacional de Identificação Civil (DNIC), foram expulsos, semana finda, por alegadas cobranças ilícitas e tentativa de facilitar a atribuição de bilhetes de identidade a cidadãos de nacionalidade estrangeiros, na cidade de Maputo.

Durante o período em análise, outros dois indivíduos foram detidos, um português na posse de 8 talões de bilhete de identidade, na província de Inhambane e outro em Manica, com documentos falsos, os mesmos tinham como objectivo aderir à pensão dos combatentes.

Segundo contou o porta-voz da DNIC, Alberto Sumbanea eles fizeram-se passar por nossos concidadãos, arranjaram assentos de nascimento e através dos mesmos tentaram obter bilhetes de identificação.

A fonte lançou um alerta à sociedade no sentido de estar atenta à movimentação de indivíduos estrangeiros no país e denunciar prováveis casos de posse de documentos, cuja origem é considerada duvidosa.

Aliás, o nosso interlocutor disse, num outro desenvolvimento, que existem 214 pedidos de bilhetes de identidade, cuja emissão ainda não foi autorizada, devido a investigações em curso, após ter-se constatado algumas irregularidades, tais como a duplicação de registo, alteração de dados e o uso do mesmo nome para diferentes documentos.

Comments
Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction