Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

A falta de espaço no distrito municipal KaMavota, na cidade de Maputo, está a condicionar a construção de mais uma escola secundária do primeiro e segundo ciclos do Ensino Geral.

O estabelecimento de ensino acolheria maior número de alunos que se deslocam para outros pontos da cidade e província de Maputo à procura de vagas.

Segundo a vereadora do distrito KaMavota, Despedida Bento, já existe um valor para a construção de uma escola secundária daquele nível nesta parcela municipal, faltando apenas o espaço para o propósito e não está a ser fácil encontra-lo.

Despedida falava na sequência de vários questionamentos dos munícipes, sobretudo encarregados de educação, em relação à falta de vagas para os alunos que transitam para o ensino secundário, o que obriga, muitas vezes, a ter que se afectar alunos no curso nocturno ou procurar vagas nas escolas privadas.

A nossa fonte realçou ainda que a vereação reconhece o problema, tendo já encontrado parte da solução.

“O valor para a construção de um estabelecimento de ensino já está nas mãos da Direcção de Educação da Cidade Maputo, faltando apenas a identificação do espaço para a sua edificação. Hoje mesmo (segunda-feira) estivemos reunidos e o Secretário do bairro da Costa do Sol disse que havia um espaço reservado. Vamos fazer um estudo no terreno para possível aprovação”, disse a nossa fonte.

Bento garantiu ao “Notícias” que o problema estará dentro em breve ultrapassado, pois o distrito só tem problemas a nível do ensino secundário. “No Ensino Primário ainda temos escolas suficientes e conseguimos albergar a demanda”, disse.

Actualmente, o distrito conta com oito escolas secundárias, nove primárias do segundo grau e 16 do primeiro grau.

Comments

Três pessoas contraíram ferimentos graves, uma criança e duas mulheres, na sequência dum sinistro rodoviário ocorrido, na noite do último sábado, na Estrada Circular de Maputo, próximo ao Instituto Superior de Relações Internacionais.

Segundo o porta-voz do Serviço Nacional de Salvação Pública (SENSAP), Leonido Pelembe, um corte de prioridade teria causado o acidente de viação.

Pelembe apontou que o sinistro envolveu duas viaturas, dos quais um de transporte semi-colectivo de passageiros de marca Toyota Hiace, com a chapa de inscrição AET-720 MP que fazia o trajecto Albazine- Zimpeto, e outra Surf com a matrícula AEH-045 MP que seguia da zona da rua da vila olímpica em direcção à Estrada Circular.

Entretanto, o motorista do carro Surf desrespeitou as regras de trânsito e embateu lateralmente contra o transporte de passageiros, ferindo três ocupantes, dos quais duas mulheres e um menor.

Segundo a fonte, o SENSAP fez-se ao local e prestou os primeiros socorros às vítimas, transportando-as ao Hospital Geral José Macamo, para cuidados médicos.

Comments

Seguem as buscas para a localização das cinco pessoas desaparecida no naufrágio corrido, na última terça-feira, nas proximidades da ilha de Inhaca, na cidade de Maputo.

Segundo o vereador do distrito de KaKyaka, Dinis Titosse, a Polícia Lacustre Fluvial, a Marinha de Guerra, a Delegação Marítima e Autoridade Naval continuam a proceder buscas para localizar as cinco pessoas desaparecidas.

Titosse indicou que a embarcação que fazia o trajecto continente-ilha naufragou, na sequência de mau tempo, quando transportava 10 pessoas a bordo, das quais, quatro são tripulantes.

Dois destes passageiros foram resgatados, e há um terceiro sobrevivente. A fonte garantiu que estes encontram-se fora de perigo de vida.

Comments

Dois jovens estão desde ontem a ver o sol aos quadradinhos, na cidade de Maputo, indiciados na prática do crime de falsa identidade.

Os detidos encontram-se na 10ª Esquadra da Polícia da República de Moçambique. Eles faziam-se passar por membros das Forças de Defesa e Segurança. É usando falsas qualidades que extorquiam cidadãos estrangeiros.

A “gang” foi surpreendida quando tentava extorquir estrangeiros vindos da Turquia, exigindo sua documentação, disse o porta-voz da Polícia na capital, Leonel Muchina.

Segundo a fonte, no mesmo período um indivíduo que responde pelo nome de Pinto Paulo, de 36 anos de idade foi detido por furto a uma viatura de marca Toyota Alex, na baixa da cidade.

Para o efeito, após o proprietário da viatura confiar-lhe o trabalho de limpeza, o polidor desapareceu com o veículo, explicou.

A viatura foi recuperada no bairro de NKobe, no município da Matola, segundo referiu  o porta-voz da PRM.

Comments

UMA escola do ensino secundário geral e um instituto comercial estão a ser construídos no bairro Chinonanquila, distrito de Boane, província de Maputo, esperando-se que venham aliviar o sofrimento de jovens que percorriam longas distâncias para continuar com os estudos.

As duas infra-estruturas estão a ser erguidas numa área de cinco hectares e estão orçadas em cerca de cinco milhões de dólares norte-americanos, um investimento da Mozal, no âmbito da sua responsabilidade social.

Os trabalhos poderão ter a duração de um ano, estando o empreiteiro na fase de implantação da base da escola secundária, para depois seguir as fundações do instituto. No mesmo âmbito, estão a ser mobilizados os equipamentos necessários para que a empreitada seja entregue dentro dos prazos previstos.

O “Notícias” soube que a escola secundária terá 24 salas de aula, bloco administrativo, duas divisões para informática, um anfiteatro, biblioteca e uma piscina para aulas extracurriculares e lazer.

Mateus Mossa, director dos Assuntos Corporativos da empresa, indicou que o instituto comercial contará, igualmente, com o mesmo número de salas, um bloco administrativo, um campo coberto para a prática de várias modalidades desportivas.

O interlocutor elucidou que as duas unidades escolares vão partilhar algumas infra-estruturas como campo, bibliotecas e piscina.

“Achamos que estas infra-estruturas comuns serão suficientes para as duas escolas. Estamos a projectar, também, a construção de um parque de viaturas para professores, alunos e visitantes, para proporcionar maior segurança”, disse.

A fonte indicou que no mesmo local será erguido um internato com dois blocos, sendo um feminino e outro masculino, com capacidade para 200 estudantes.

“Estas unidades estão a ser construídas em resposta ao pedido formulado pela população, uma vez que muitos alunos eram obrigados a fazer longas distâncias para prosseguir os seus estudos. Depois de concluir o nível primário, recorriam a escolas da cidade da Matola ou Maputo para o nível secundário ou técnico”, disse.

As obras em curso estão a ser executadas em coordenação com o Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano, através da Direcção de Construções e Equipamentos Escolares.

Comments
Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction