Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

Opinião

Politica

A ASSEMBLEIA da República aprovou ontem, por consenso e em definitivo, o Código do Registo Civil e a resolução que ratifica o Tratado sobre o Comércio de Armas.

sexta, 25 maio 2018
Leia +

Economia

PRESIDENTE da República, Filipe Jacinto Nyusi, testemunhou ontem ao lançamento da primeira pedra para a construção da primeira instituição bancária na ...

quarta, 23 maio 2018
Read more
Pub
SN

Desporto

TREINADORES e jogadores da Selecção Nacional de Futebol, “Mambas”, pretendem estrear-se no torneio COSAFA com uma vitória contra a sua congénere do ...

quinta, 24 maio 2018
Leia +

Nacional

AS obras de construção da Escola Secundária do Distrito de Zumbu, a primeira deste nível neste ponto da província de Tete, deverão estar concluídas no ...

quinta, 24 maio 2018
Leia +

OS recifes de coral de todo o mundo estão em risco devido ao aquecimento global, alerta um estudo divulgado na quinta-feira, que documenta a morte de corais com uma rapidez nunca vista até hoje.

Uma equipa internacional de investigadores mediu a crescente taxa de branqueamento de recifes de coral (processo que pode levar à morte dos organismos) em vários locais dos trópicos nas últimas quatro décadas, um trabalho que nunca até hoje tinha sido feito.

O resultado, publicado na revista “Science”, mostra um encurtamento dramático do tempo que os corais vivem, colocando em risco o futuro desses ecossistemas.

“O tempo entre episódios de branqueamento em cada local diminuiu cinco vezes nas últimas três a quatro décadas, de uma vez a cada 25-30 anos no início dos anos 80, para uma média de apenas uma vez a cada seis anos desde 2010”, disse o principal autor do trabalho, Terry Hughes, do Centro de Excelência para o Estudo dos Recifes de Coral, Queensland, Austrália.

Antes dos anos 80 do século passado, acrescentou, o branqueamento maciço de corais não acontecia, mesmo em caso de condições extremas como as do El Nino (aquecimento anormal das águas do Pacífico). Mas actualmente “ataques sucessivos” à escala regional aos corais e a sua “mortalidade em massa” tornaram-se “normais” em todo o planeta, afirmou.

O estudo estabelece três períodos em relação à morte dos corais, um primeiro antes da década de 1980 quando o branqueamento só acontecia localmente, um segundo nos anos 1980 e 1990, com os primeiros registos de branqueamento em massa na fase de aquecimento das águas (El Nino), e um terceiro na actualidade, em que o branqueamento está sempre a acontecer.

Os investigadores dizem que as temperaturas dos mares tropicais estão hoje mais altas do que estavam há 40 anos durante os períodos de El Nino.

"O branqueamento dos corais é uma resposta ao stress causado pela exposição dos recifes a temperaturas elevadas do oceano. Quando o branqueamento é severo e prolongado muitos dos corais morrem. É preciso pelo menos uma década para os substituir, mesmo as espécies de mais rápido crescimento”, disse Andrew Baird, co-autor do estudo.

Segundo os autores do trabalho a Grande Barreira de Corais da Austrália foi branqueada quatro vezes desde 1998.

O branqueamento dos corais (seres com 400 milhões de anos) acontece devido ao aquecimento da água, que leva as algas que vivem em simbiose com os corais a deixar de fazer a fotossíntese. Quando as algas deixam de habitar com os corais estes ficam com uma cor clara, razão do nome branqueamento, e vão também perdendo nutrientes, acabando por morrer.

Os corais são pólipos que vivem em colónias e que segregam um esqueleto exterior calcário, formando recifes, que podem atingir grandes dimensões, como a Grande Barreira de Coral, na costa oriental da Austrália. - (dn.pt)

Sábados

CLICKADAS

...

A ROTA do desenvolvimento é uma peregrinação cheia de ...

TEMA DE ...

NO princípio do ano o Conselho Municipal da Cidade de Maputo prometeu ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction