MAIS de 600 trabalhos científicos e 1500 participantes são esperados nas 16ªs Jornadas Nacionais de Saúde, a realizar-se em Setembro próximo, evento que visa essencialmente partilhar as pesquisas efectuadas nos últimos três anos, no sector, e que é organizado pelo Instituto Nacional de Saúde (INS). Segundo Eduardo Samo Gudo, director científico do programa, o número de participantes e trabalhos a serem apresentados fazem destas jornadas o maior evento científico do país.

“Os artigos apresentados e os participantes superaram qualquer outro evento científico que já ocorreu em Moçambique depois da independência”, afirmou.

O director científico detalhou que nas anteriores jornadas nacionais de saúde, o INS registou 408 trabalhos de pesquisa divulgados e com 1.048 participantes. Neste sentido, no próximo evento “os vamos duplicar”.

Sem avançar números, Samo Gudo reconheceu a onerosidade das jornadas, explicando que a despesa logística dos pesquisadores provenientes das províncias recai sobre as direcções provinciais.

Samo Gudo afirmou que Maputo é a cidade que apresenta o maior número de artigos científicos, sendo reduzida a participação das outras províncias.

“Maputo concentra maior parte de cientistas, instituições de investigação e universidades. Assim, são todos estes aspectos que contribuem para que a capital do país continue a dominar o leque de apresentações e volumes de pesquisas feitas no país”, vincou o director científico.

As inscrições e submissão dos resumos para a apresentação nas décimas sextas jornadas nacionais de Saúde estão abertas desde ontem, 8 de Janeiro, e terminam a 10 de Abril.

Os trabalhos apresentados vão trazer abordagens que auxiliem a concepção dos planos de acção, no sector da Saúde.

Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 16 Fevereiro 2018
A autoridade gestora de recursos hídricos anunciou, esta semana, maus dias pela frente, no que diz respeito ao abastecimento de água às cidades de Maputo, Matola e Vila de Boane. Na origem da situação está o facto de a barragem dos Pequenos Libombos, o... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Textáfrica: Gigante pode voltar a labutar
Terça, 13 Fevereiro 2018
PARALISADA há mais de duas décadas, a Textáfrica, gigante da indústria têxtil nacional localizado no bairro da Soalpo, na cidade de Chimoio, província de Manica, poderá voltar a produzir algodão, roupa e criar postos de trabalho. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,31 59,47
ZAR 4,74 4,83
EUR 70,23 71,64

25.01.2018   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

LEMBREI-ME ontem das palavras que o Primeiro-ministro, Carlos Agostinho do ...
2018-02-19 00:30:00
DE há alguns meses a esta parte, vem-se falando sobre a possibilidade de a ...
2018-02-19 00:30:00
O PAÍS, de modo particular as zonas norte e centro, está a ser ...
2018-02-17 00:30:00
GLÓRIAMaria, hoje tive a certeza de que a terceira idade é um ...
2018-02-17 00:30:00
DESDE que a 7 de Fevereiro, o mais alto magistrado da nação anunciou, ...
2018-02-16 00:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 3644 visitantes em linha