O SELECCIONADOR nacional, Abel Xavier, anuncia hoje às 11:00 horas, na sede da Federação Moçambicana de Futebol (FMF), os convocados para o jogo da primeira jornada do Grupo J de qualificação para o CAN-2019, frente à Zâmbia, em Ndola, no dia 10.

O acto marca o arranque oficial dos preparativos para essa difícil deslocação ao reduto dos “Chipolopolos”, onde o melhor que o nosso país já conseguiu foi apenas um empate sem golos há três anos.

A Selecção Nacional começa os trabalhos de campo na segunda-feira, no Estádio Nacional do Zimpeto, sendo que deixa Maputo na próxima quinta-feira rumo ao território zambiano, onde efectuará duas sessões de treinos, uma delas no relvado do estádio que vai acolher o jogo, como mandam as regras.

Por sua vez, a Zâmbia anunciou ontem a convocatória para a recepção aos “Mambas”, da qual constam sete jogadores que actuam no estrangeiro. Fazem parte ainda deste grupo as selecções da Guiné-Bissau e da Namíbia, que jogam entre si na primeira ronda.

O CAN-2019 terá lugar nos Camarões.

PREPARAR UMA EQUIPA À ALTURA

Enquanto isso, no dia 26 de Junho, Moçambique faz a sua estreia no Torneio da COSAFA de futebol, defrontando o Zimbabwe, para a 28 e 30 do mesmo mês medir forças com as Seychelles e Madagáscar, respectivamente.

Sobre a participação dos “Mambas” na 14.ª edição da COSAFA, prova que reúne as selecções da zona sul de África, o seleccionador Abel Xavier garante que levará uma equipa com capacidade para honrar a Bandeira Nacional. 

“Éuma competição de prestigio e de respeito. Iremos preparar uma equipa que esteja  à altura das exgências da prova. Toda a gente quer ganhar e é muito facil pedir vitórias, mas o que nós estamos a fazer  é reconstruir uma selecção, uma geração, uma mentalidade para que haja muito mais jogadores no espaço da Selecção Nacional, independemente das divisões  onde jogam”, disse, ajuntando que “neste momento nós equacionamos divisões secundárias, porque descobrimos que existem perfil e matéria prima e, obviamente, é nisto que Moçambique tem de pensar em termos futuros”.

Apesar de considerar o Torneio da COSAFA uma competição que irá para disputar de igual para igual com as restantes selecções, revela que existem outras provas prioritárias.

“A COSAFA sempre foi um torneio com aspectos muito específicos. Um deles é a valorização de novos talentos. A meu ver, as competições mais importantes e mais relevantes são o CHAN e o CAN.  Em relação à COSAFA, no ano passado já fomos com uma equipa obviamente para potenciar, para crescer. Levámos jovens talentosos e alguns deles viriam a afirmar-se e fazer parte do actual grupo”, anotou.

Para uma melhor planificação da preparação da selecção, Abel Xavier recomenda um encontro entre os vários agentes, por forma a não entrar em choque com as competições locais. “Há decisões que temos de tomar nos próximos dias porque, de facto, o que nos preocupa é gerar concenso em relação às várias campanhas, e não colidir com os interesses também do Moçambola e as outras competições do panorama nacional”, disse.

O máximo que Moçambique já alcançou na COSAFA foi um segundo lugar por duas vezes, em 2008 e 2015.

Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 15 Dezembro 2017
A ASSEMBLEIA da República aprovou, esta semana, as propostas do Plano Económico e Social (PES) e do Orçamento do Estado (OE) para 2018. Trata-se de dois instrumentos importantes que vão orientar a acção governativa no próximo ano, com o intuito de... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Reinserção social em Sofala: Implementação de...
Quinta, 14 Dezembro 2017
Cerca de 14.800 combatentes registados na província central de Sofala, entre desmobilizados de defesa da soberania e democracia e veteranos da luta de libertação nacional, estão a melhorar as suas condições de vida, com a implementação, nos últimos tempos, de múltiplos projectos de reinserção social. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,55 60,70
ZAR 4,37 4,45
EUR 69,97 71,32

15.12.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

HÁ uns anos um deputado da Assembleia da República, meu amigo,  ...
2017-12-15 23:30:00
IMPLICÂNCIA sem motivos. É comum não nutrirmos simpatia por ...
2017-12-15 23:30:00
AS FESTAS!... EM boa verdade elas, sobretudo as que se avizinham, são ...
2017-12-14 23:30:00
DEFINITIVAMENTE  não sou dono do meu tempo. Nunca fui, e jamais serei. ...
2017-12-14 23:30:00
TERMINEI o último artigo manifestando pesar pelo facto de as obras de ...
2017-12-14 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1892 visitantes em linha