COR, som e vibração marcou a abertura oficial ontem, em Xai-Xai, dos Jogos Desportivos Escolares Gaza-2017.

Campo do Ferroviário de Gaza completamente lotado por atletas, dirigentes, treinadores e público em geral, oriundo de todos cantos país, as delegações deram o mote com o desfile, ao som da banda militar que aproveitou a ocasião para mostrar os seus dotes.

Cabo Delgado foi a primeira comitiva a se fazer ao palco, seguido de Inhambane e da campeã em título Manica. Maputo-cidade e província seguiram, antes de Nampula e Niassa. Chegou a vez de Sofala, Zambézia, Tete, para a anfitriã Gaza entrar debaixo de aplausos. De repente foi anunciada a tocha dos Jogos que acenderia a pira olímpica e pelo meio muita manifestação cultural de vários grupos que se aprumaram para o efeito. A mensagem dos atletas comoveu a todo o “mundo”. Leu uma atleta de Gaza, num discurso eloquente. Os alunos dizem que esta é uma oportunidade de reforço da unidade nacional na diversidade, respeito, solidariedade e tolerância; e reconhecer que no desporto há três resultados: vitória, empate e derrota.

A governadora de Gaza, Stella Pinto, deu boas vindas a todas as delegações a Gaza e disse esperar que este evento seja marcado por fraternidade.

A Ministra da Educação e Desenvolvimento Humano, Conceita Sortane, agradeceu a Gaza por ter aceite o evento e o engajamento dos alunos/atletas na preparação desta competição, desde a fase escolar, passando por distrito e província.

CHITSONDZO E MR. BOW

CANTAM E ENCANTAM

Em termos musicais, Roberto Chitsondzo e o mediático Mr. Bow fizeram o que poderam perante a escassez de tempo que lhes foi reservado no intervalo do embate de futebol entre Gaza e Cabo Delgado (0-1). Chitsondzo foi o primeiro a entrar em acção, cantou duas das suas músicas sobejamente conhecida (“Vana va ndota” não ficaria de fora com certeza), mas teve de não se alongar porque Mr. Bow vinha com aquela sua excentricidade. Fez o público vibrar com as suas coreografias e letras que dominam a actualidade da música moçambicana. Foi mais ou menos assim o lançamento deste festival que promete colocar Gaza no centro das atenções nos próximos 10 dias.

SÉRGIO MACUÁCUA

Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 23 Fevereiro 2018
A TRAGÉDIA que se abateu sobre a cidade de Maputo, na madrugada desta segunda-feira, matando 16 pessoas e ferindo outras tantas, em consequência do deslizamento do lixo nas proximidades do aterro de Hulene, chama à atenção para a necessidade de reflectirmos sobre o... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Pressão social empurra meninas para uniões...
Sexta, 23 Fevereiro 2018
Raparigas da localidade de Massaca, distrito de Boane, queixam-se da pressão social e dizem que está na origem dos casamentos prematuros. Com efeito, é-lhes dito que estando no lar vão dignificar a família e a comunidade, e muitas cedem a este conselho que as empurra para um futuro incerto. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,31 59,47
ZAR 4,74 4,83
EUR 70,23 71,64

25.01.2018   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

PARECE haver motivos bastantes para emprestar as palavras do polémico ...
2018-02-24 00:30:00
O SONO é um veneno que embriaga, paralisa o corpo, corta os movimentos e guia ...
2018-02-24 00:30:00
“Ide por todo o mundo, anunciai a Boa Nova a toda criatura” – Mc ...
2018-02-23 00:30:00
Há reportagens antigas  – nos jornais e televisões -  ...
2018-02-23 00:30:00
SÓ posso começar o presente texto dizendo mesmo isto: INAE, já ...
2018-02-23 00:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1715 visitantes em linha