Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

O CAMPEONATO do Mundo de Futebol arranca esta tarde com o pontapé de saída a ser dado pela anfitriã, Rússia, e a Arábia Saudita a partir das 17:00 horas no Estádio Luzhniki, em Moscovo.

Com capacidade para 80 mil espectadores, o Estádio Luzhniki deve estar abarrotado. A Rússia, apesar de não ter convencido nos jogos de preparação, parte como favorita a somar os três primeiros, diante de uma Arábia Saudita que tem qualidade para estragar a festa russa.

RÚSSIA: Após a decepcionante prestação no “Euro”-2016, a Rússia fez uma revolução no seu plantel. As principais modificações foram na defesa. A dupla do CSKA de Moscovo Sergei Ignashevich e Vasily Berezutsky perdeu lugar para Vasin, também do CSKA e Kudryashov (do Rubin Kazan). Dzhikiya do Spartak Moscou completa o esquema de três defesas centrais que os russos agora apresentam.

A maior polémica foi Igor Denisov não ter sido convocado. Ele que é provavelmente o melhor médio ofensivo, mas mesmo assim o meio-campo russo continua a ser forte. O veterano Alan Dzagoev ainda mostra ter forças para correr, e Fyodor Smolov e Aleksandr Kokorin estão em grande forma. Há ainda que realçar os nomes dos gémeos Aleksei e Anton Miranchuk, do Lokomotiv, e a Aleksandr Golovin, do CSKA, um trio que quer deixar a sua marca.

ARÁBIA SAUDITA: Treinada pelo argentino Juan Antonio Pizzi, a Arábia Saudita apresenta um futebol rápido. Pizzi, que só assumiu a equipa três dias antes do sorteio do “Mundial”, tem um grupo com algum talento, mas praticamente sem nenhuma experiência internacional.

Para se apurarem, os árabes conseguiram tirar o máximo de pontos fracos das selecções mais frágeis do seu grupo e bateram-se bem diante do Japão e Austrália, tendo se apurado como segundo classificados.

Do mesmo grupo “A” fazem parte as formações do Uruguai e Egipto que jogam amanhã às 14:00 horas.

Como tem sido norma, no dia de abertura só é realizado um jogo. A anteceder a partida haverá um momento musical protagonizado pelo cantor britânico Robbie Williams, que diz estar "muito contente e emocionado", e a soprano russa Aida Garifullina, considerada uma das melhores vozes do país.

Outro nome conhecido no evento será o ex-jogador Ronaldo (Fenómeno), campeão mundial nos anos de 1994 e 2002 e eleito apresentador da cerimónia, além de representante brasileiro no primeiro dia do maior evento do mundo.

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction