Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

A DUAS jornadas do término do Campeonato Nacional de Futebol da Divisão de Honra, a Associação Desportiva de Macuácua já festeja o apuramento ao Moçambola-2019, na Zona Sul, depois de conquistar mais um ponto na sua deslocação a Maputo ao encontro da ESFA de Boane e que terminou sem golos. O jogo era referente à 20ª jornada.

O Macúacua soma agora 49 pontos, contra 42 do rival do Desportivo, que foi travado também com empate pelo Clube de Gaza (1-1-), em Xai-Xai, ficou sem nenhuma hipótese de regressar ao Moçambola. Inconformados com a situação, os “alvi-negros” jogam agora na secretaria, por via de um caso despoletado há dias de alegada falsificação de identidade e consequente má utilização de um dos jogadores do Macuácua, por sinal de origem estrangeira.

O acusado de falsificação de identidade chama-se Samuel Siaw e é, segundo as hostes “alvi-negras”, de nacionalidade ganense. Este jogador teria, segundo carta-denúncia submetida à Federação Moçambicana de Futebol (FMF) pelo Desportivo de Maputo, se apresentado no clube “alvi-negro” em 2016 com o nome de Samuel Siaw, tendo curiosamente sido alertado pela instituição máxima que gere a modalidade rainha do facto de não ter apresentado a devida carta internacional, razão pela qual foi rejeitado pelos “alvi-negros”.

Surpreendentemente, segundo consta na carta-denúncia, o mesmo jogador filiou-se dois anos depois ao Macuácua já com o bilhete de identidade nacional ostentando o nome de Samuel Sião Mendes.

A direcção da FMF promete pronunciar-se nos próximos tempos sobre o caso.

Entretanto, o Estrela Vermelha (36) consolidou o terceiro posto, ao vencer em casa a UP da Maxixe, por 1-0. Com o mesmo resultado, a Académica (31) perdeu em casa com o Ferroviário de Gaza (33), este que está já no encalço dos “alaranjados”, enquanto os “estudantes” desceram da quarta para a quinta posição, ou seja, trocaram de posição com os “locomotivas”.

A fechar a ronda, o Clube da Manhiça bateu as Águias Especiais, por 1-0, mas ambos continuam na luta pela sobrevivência na prova. O jogo entre o Ntumbuluku da Moamba e Ferroviário de Inhambane ficou sem efeito, uma vez confirmada a despromoção da primeira formação por ter atingido o limite de faltas de comparência.   

MATCHEDJE CONTINUA

NO ENCALÇO DO TÊXTIL

O Matchedje de Mocuba continua no encalço do Têxtil na liderança da prova da Zona Centro. Os “fabris” receberam e bateram o Ferroviário de Quelimane, por 1-0, e comandam já com 36 pontos, mais um que os “militares”, que golearam o Desportivo de Manica (4-0).  

Enquanto isso, o Pipeline da Maforga beneficiou da falta de comparência do “lanterna-vermelha” Desportivo de Tete e mantém-se no terceiro lugar com 30 pontos.   

Já o Chingale bateu o Benfica do Dondo, por 2-0, e está em quinto lugar com os mesmos pontos que o Ferroviário de Quelimane (26 pontos). O Sporting da Beira venceu o Estrela Vermelha pelo mesmo resultado e tem quase garantida a manutenção na prova, enquanto os “alaranjados” continuam na batalha para o efeito.

 

Comments

O Presidente da Federação Moçambicana de Futebol, Alberto Simango Jr., estará hoje, em Londres, Inglaterra, na gala dos prémios The Best, evento organizado pela FIFA.

Na cerimónia para a eleição dos melhores futebolistas da época tem inicio as 20:30 horas, sendo que o nosso país será representado igualmente pelo seleccionador nacional, Abel Xavier.

 Os melhores do ano, cuja votação encerrou a 10 de Agosto, são eleitos pelos adeptos, contando 25 por cento, tendo ainda os votos de todos os capitães (25 por cento), seleccionadores (25 por cento) e painel de cerca de 200 jornalistas especializados (25 por cento).

Refira-se que Ronaldo, Modric e Salah são os finalistas da edição 2018 que não conta com a presença do astro argentino, Lionel Messi, 12 anos depois.

Comments

A UNIÃO Desportiva do Songo caminha a passos largos para a revalidação do título de campeão nacional. Ontem, em partida da 26.ª jornada do Moçambola 2018, os “hidroeléctricos” receberam e venceram o Textáfrica por 2-1, depois de terem estado em desvantagem no marcador. Neste momento, o representante da província de Tete na maior prova futebolística do país soma 53 pontos, mais três que o Ferroviário de Maputo, que na tarde de ontem triunfou por 2-0 no Estádio da Machava, frente ao seu homónimo de Nampula. Leia mais

Comments

O MAXAQUENE foi surpreendido, sábado à tarde, em Nampula, pelo Sporting, com quem perdeu por 2-4, numa partida da 26.ª jornada do Moçambola 2018. Apesar da vitória, os “leões” da capital do Norte continuam em último lugar na classificação, com 19 pontos, contra 27 do penúltimo e antepenúltimo. O Songo, com menos um jogo, continua na liderança, agora com 53 pontos, depois de vencer ontem, em casa, o Textáfrica, por 2-1. O Ferroviário de Maputo mantém a perseguição ao líder com menos três pontos. Ainda ontem, os “locomotivas” derrotaram os seus homónimos de Nampula por 2-0. A Liga Desportiva de Maputo bateu, na Matola “C”, o Chibuto, por 2-0. Na próxima jornada teremos como prato forte o Ferroviário da Beira-UD Songo.

RESULTADOS E CLASSIFICAÇÃO ACTUAL

Sporting-Maxaquene                                       (4-2)

Incomáti-1.º de Maio                                      (1-1)

Desportivo de Nacala-ENH                            (2-1)

UP Manica-Fer. Beira                                     (0-2)

 UD Songo-Textáfrica                                    (2-1)

 Costa do Sol-Fer. Nacala                               (1-0)

Fer. Maputo-Fer. Nampula                             (2-0)

 Liga-Chibuto                                                  (2-0)

                                                J           V         E          D         B         P

1.º UD Songo                          25        16        5          4          34-21   53

2.º Fer. Maputo                       26        16        2          8          27-17   50

3.º Liga Desportiva                 25        14        5          7          32-21   44

4.º Fer. Nampula                     26        11        7          7         35-23    40

5.º Maxaquene                        26        10        9          7          30-24   39

6º Textáfrica                            26        10        8          8          20-29   38

7.º Chibuto                              26        10        7          8          28-18   37

8º Costa do Sol                       26        8          10        9          18-13   34

9.º ENH                                  26        8          7          11        16-25   31

10.º Fer. Beira                         25        7          8          9          27-22   30

11.º Desp. Nacala                    25        8          6          10        21-20   30

12.º Incomáti                           26        7          9          10        15-19   30

13.º Fer. Nacala                       26        7          9          10        16-24   30

14.º UP Manica                       26        6          9          11        18-26   27

15.º 1.º de Maio                      26        7          6          13        20-31   27

16.º Sp. Nampula                    25        4          7          14        16-38   19

PRÓXIMA JORNADA (27.ª):Chibuto-Sporting; Maxaquene-Incomáti, 1.º Maio-Desp. Nacala, ENH-UP Manica, Fer. Beira-UD Songo, Textáfrica-Costa do Sol, Fer.Nacala-Fer. Maputo, Fer. Nampula-Liga

Comments

A UNIÃO Desportiva do Songo, líder isolado do Moçambola-2018, recebe amanhã, às 15:00 horas, o Textáfrica, em jogo da 26ª jornada.

Quando faltam cinco jornadas para o fim do campeonato, a UD Songo lidera com 50 pontos e goza ainda do facto de ter um jogo a menos (diante da Liga). Os “hidroeléctricos” estão por isso bem encaminhados para reconquistar o título. Um triunfo sobre os “fabris” do planalto significa dar mais um passo rumo à celebração, visto que a partir daí faltarão quatro jogos. A missão dos comandados de Nacir Armando para o jogo de amanhã é “a prior” acessível, se se atender que o adversário já tem a manutenção assegurada e atravessa um mau momento de forma.

O Ferroviário de Maputo, perseguidor mais próximo da UD Songo, ocupando a segunda posição com 47 pontos, joga na Machava com o seu homónimo de Nampula, consciente de que não pode perder pontos, sob o risco de ver a liderança ainda mais distante. Mas diante dos “locomotivas” de Nampula não se antevê uma tarefa fácil para os treinados de Nelson Santos.

As atenções centram-se igualmente na Matola, onde a Liga Desportiva de Maputo, terceira classificada com 41 pontos, recebe o Clube do Chibuto, ainda com uma esperança de ser campeão, embora essa hipótese seja remota. Será o regresso de Daúde Razak a uma casa que “viveu” durante muitas épocas, ele que agora é treinador dos “guerreiros” de Gaza.

A luta pela manutenção está igualmente ao rubro com várias equipas em busca da salvação. O Sporting de Nampula, quase condenado à descida, ainda acredita num milagre, mas para isso será preciso pontuar diante do Maxaquene, num dos jogos que abre a ronda esta tarde. Noutras partidas desta tarde, a UP Manica, mais tranquila, bate-se com um Ferroviário da Beira aflito, enquanto Costa do Sol e Ferroviário de Nacala medem forças em Maputo. “Canarinhos” e “nacalenses” ainda não garantiram a manutenção.  

Na vila de Xinavane, o Incomáti e o 1º de Maio de Quelimane travam argumentos numa luta entre duas equipas que batalham pela permanência. Mesmo cenário se vive em Nacala, entre o Desportivo local e o ENH.

Comments
Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction