Os produtores agrícolas do sector familiar do distrito de Sanga, na província do Niassa, estão a aumentar os rendimentos por hectare na sequência da implementação de um Programa Integrado de Transferências Agrárias (PITA).

O Governador de Niassa, Arlindo Chilundo, que visitou recentemente alguns campos agrícolas do distrito de Sanga, em conversa com os produtores, ficou a saber que o novo programa está a contribuir para a eliminação da insegurança alimentar naquela zona, considerada potencial na produção de cereais, feijão, tubérculos, hortícolas, entre outras culturas.

Numa interacção com o governador de Niassa, um agricultor de nome Augusto Ndala falou das técnicas adquiridas ao abrigo do Programa,  apontando, por exemplo, a obtenção de altos rendimentos, culturas alimentares com um ciclo vegetativo curto, compasso a usar entre as plantas, entre outras.

Ndala, instou, na ocasião, os seus colegas a abraçarem as técnicas modernas de produção, salientando as inúmeras vantagens que as mesmas  trazem para estimular e empoderar os produtores.

Entretanto, no informe apresentado pelo governo distrital por ocasião da visita do governador Arlindo Chilundo, o administrador de Sanga, José Achida, explicou que a presente campanha está a superar as expectativas e apontou a necessidade de se aumentar a semente de batatas e hortícolas diversas em 30 e 26 toneladas, respectivamente, para garantir uma segunda época agrícola tranquila e promissora.

Ainda de acordo com Achida, o distrito de Sanga lavrou e semeou mais de 36.953 hectares dos 44.612,5 planificados, uma realização, segundo ele, de 82,8 por cento e um crescimento de sete por cento em relação à campanha anterior.

Por sua vez, Carlos Langa, director dos Serviços Distritais das Actividades Económicas de Sanga, garantiu que as metas estabelecidas para as culturas alimentares e de rendimento serão largamente ultrapassadas até à segunda época, justificando a convicção com o facto de os números alcançados pelo distrito estarem neste momento muito próximos das metas previstas.

Langa revelou ainda que o distrito conta com sete extensionistas e um supervisor, os quais assistem a mais de mil camponeses, situação que deverá mudar nos próximos tempos com a contratação de mais nove técnicos, colmatando assim o défice de profissionais no distrito.

De referir que alguns camponeses de Sanga são assistidos por estudantes da Faculdade da Universidade do Lúrio, UniLúrio, no âmbito do programa “um estudante uma família”, que está a ser levado a cabo por aquele estabelecimento público de ensino superior visando disseminar novas técnicas de produção aos camponeses, bem como melhorar os índices de produção por hectare.

Reagindo às informações que recebeu, Arlindo Chilundo afirmou ter ficado impressionado com o que viu e ouviu acerca do grau de vegetação das diversas culturas de agricultores do sector familiar e associações, tendo vaticinado bons resultados, principalmente nas culturas de milho, feijão, hortícolas e batatas.

 

 

 

 

 

 

 

Versão-Impressa


Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 23 Junho 2017
DOIS momentos marcaram esta semana o contacto entre o Banco de Moçambique e a comunicação social, nomeadamente o ponto de situação da economia nacional e os esclarecimentos à volta do processo que culminou com a venda do Banco Moza à Kuhanha –... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Ponte Dona Ana: Obras da passadeira relançam...
Terça, 20 Junho 2017
OS habitantes do vale do Zambeze, de que fazem parte as províncias de Manica, Sofala, Tete e Zambézia, estão bastante optimistas no incremento das trocas comerciais, quando for concluída, próximo mês, a reabilitação e iluminação da passadeira na ponte Dona Ana, que liga a vila municipal de Nhamayabwe, distrito de Mutarara, em... Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,83 60,97
ZAR 4,66 4,75
EUR 66,81 68,07

22.06.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

QUIS o destino que eu escalasse, há dias, a República do Sudão, ...
2017-06-24 08:33:52
FOI no Sazária que naquela manhã do segundo dia da minha estadia em ...
2017-06-24 08:31:46
OS dias que correm são bastante férteis em debates relacionados com a ...
2017-06-23 08:16:46
De tanto se falar dos famosos Mercedes Benz ora comprados para ...
2017-06-23 08:10:04
O OCIDENTE, com os Estados Unidos da América à cabeça, ...
2017-06-23 08:00:54

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 2861 visitantes em linha