O PRESIDENTE da República (PR), Filipe Nyusi, manteve na 6ª feira na Beira um encontro com o director executivo da petrolífera norte-americana, Exxon Mobil, Darren Woods que vai comprar 25 por cento das participações da empresa italiana Eni no projecto Coral em Moçambique.

No final do frente-a-frente entre as duas personalidades, Darren Woods, acompanhado por Nyusi, fez uma breve declaração à imprensa na qual manifestou a sua satisfação por ter tido a oportunidade de se encontrar com o presidente para ambos abordarem aspectos relativos a este importante projecto.

“Falamos do acordo que acabamos de alcançar com a Eni para desenvolver as oportunidades petrolíferas que existem em Moçambique. Estamos orgulhosos por podermos ter a oportunidade de trazer a experiência global que temos e os peritos e conhecimentos que temos nesta área e para apoiar o desenvolvimento de Moçambique”, declarou Darren Woods.

Conforme anunciou há dias a petrolífera norte-americana, o negócio poderá movimentar 2.8 biliões de dólares norte-americanos.

Num contacto que manteve há dias com o “Noticias”, o director do Instituto Nacional de Petróleos (INP), Carlos Zacarias, garantiu que a operação entre as duas empresas, a Exxon e a Eni, não vai comprometer os planos de investimentos aprovados.

A transação financeira entre a Eni e a Exxon ficara completa depois da aprovação pelas entidades reguladoras moçambicanas e de outros tramites legais e é um forte sinal de que o projecto deverá avançar em breve.

Os dados disponíveis, segundo a empresa, indicam que a Eni vai entretanto continuar a liderar o projecto de gás natural liquefeito Coral e todas as operações na Área 4, enquanto a Exxon vai liderar a construção e operação da central de liquefação de gás em terra.

 

Breves

Editorial

Editorial
Sexta, 22 Setembro 2017
O Governo decidiu, esta semana, avançar com uma proposta legislativa que preconiza um conjunto de medidas económicas destinadas a proteger o mercado, estimular novos investimentos, incentivar o consumo de matéria-prima local, alargar a base tributária e criar mais... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Distrito em Foco: Avaria do regadio prejudica...
Segunda, 25 Setembro 2017
CONSIDERADO “monstro adormecido” devido ao potencial agrário que emprestou à agricultura na década 80, quando o distrito de Homoíne chegou a ser considerado celeiro da província de Inhambane, o regadio de Chinjinguire, localizado a cerca de sete quilómetros da vila-sede do distrito, encontra-se parcialmente inoperacional, com apenas uma parte... Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,77 61,93
ZAR 4,65 4,74
EUR 72,73 74,12

14.09.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

HÁ dias, um amigo sugeriu-me que trouxesse à reflexão, neste ...
2017-09-25 19:33:03
Gerado por pais católicos e o primeiro sacramento com apenas um mês de ...
2017-09-25 19:28:40
EU não imaginava que 10 anos após a publicação da ...
2017-09-24 23:30:00
FOMOS, há dias, invadidos por um estranho comportamento de um grupo de ...
2017-09-24 23:30:00
QUANDO entrou no transporte semi-colectivo de passageiros, não sei aonde, com ...
2017-09-24 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1604 visitantes em linha