O STANDARD Bank e a Shell vão apoiar e desenvolver o ecossistema empresarial moçambicano, através da implementação de um programa que consiste no desenvolvimento de competências e conhecimentos que permitam o crescimento das micro, pequenas e médias empresas.

Para a materialização deste propósito, o administrador-delegado do Standard Bank, Chuma Nwokocha, e o representante da Shell em Moçambique, Alexandre Battaglia, assinaram, semana passada, em Maputo, um memorando de entendimento visando a implementação de um programa de desenvolvimento empresarial.

O programa vai focar-se em cinco pilares, sendo de destacar o de cultivo de mentalidades empresariais em Moçambique, através de exposição das PME e jovens empreendedores à metodologia de conceptualização de ideias de negócios; e a incubação de empresas.

Intervindo na ocasião, o administrador-delegado do Standard Bank referiu que a inovação e a educação financeira são de grande importância para o crescimento das empresas, razão pela qual constituem os pilares do programa de desenvolvimento empresarial ora lançado.

“Este programa será implementado a nível nacional, sendo que algumas actividades serão concentradas em Pemba, onde no ano passado realizámos a primeira semana de empreendedorismo para dinamizar o ecossistema local”, disse Chuma Nwokocha.
Acrescentou que, em Maputo, a incubadora do Standard Bank, um espaço que está a ser concebido para que jovens empreendedores e empresas em fase embrionária encontrem os recursos que necessitam para crescer, será o palco de grande parte das actividades que constituem pilares desta parceria.  

Por sua vez, Alexandre Battaglia, representante da Shell em Moçambique, sustentou que incentivar o desenvolvimento de empresas locais é uma componente essencial do sucesso. 
O representante da Shell em Moçambique explicou que a cooperação entre a sua instituição e o Standard Bank teve início no ano passado com a semana de empreendedorismo em Pemba, província de Cabo Delgado, e a Lionesses of Africa.

“Pudemos apreciar o dinamismo e a experiência do Standard Bank, bem como os benefícios da sua presença em todo o país”, destacou Alexandre Battaglia.

Importa realçar que o Programa de Desenvolvimento Empresarial vai identificar as MPME existentes com alto potencial de crescimento numa determinada região e as indústrias específicas, de interesse mútuo, tanto para a banco, quanto para a Shell, e apoiar essas empresas a ultrapassar os obstáculos ou desafios que impedem o seu crescimento e escalabilidade.

Versão-Impressa


Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 17 Março 2017
A cólera volta a ser um grande problema para a saúde em Moçambique, agora também em províncias que há vários anos não registavam casos da doença. A primeira ilação que se pode tirar é que pode ter havido relaxamento... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Indústria de Confecções: Um gigante que cedeu...
Terça, 21 Março 2017
A INDÚSTRIA de confecções teve momentos de glória em Moçambique e na região. Mas com o tempo ficou moribunda e colapsou. Não resistiu às vicissitudes do mercado, deixando milhares de operários à sua sorte.  Leia mais Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 68,74 68,84
ZAR 5,42 5,43
EUR 73,76 73,87

17.03.2017   Banco de Moçambique

Temperatura

25.02.2017    INAM

Opinião & Análise

É DELICADO o assunto que trago para esta semana, porque susceptível de ...
2017-03-22 07:46:11
DEMOCRACIA é um conceito actualmente usado, de forma arbitrária, em ...
2017-03-22 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 4382 visitantes em linha