Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

O SECTOR de transportes deverá registar, este ano, um crescimento de 6,1 por cento, quando comparado com 2017. O Governo sustenta que este incremento resulta de investimentos nos ramos marítimo, aéreo, rodoviário e ferroviário.

Nos transportes marítimos, prevê-se um crescimento de 43,2 por cento resultante do reinício dos serviços de cabotagem através das parcerias públicas e privadas.

Relativamente ao ramo ferro-portuário, as estimativas do Executivo para este ano apontam para um crescimento significativo, de cerca de 18,8 por cento, que será influenciado pela dinâmica do escoamento do carvão de Tete, incremento do fluxo de mercadorias em trânsito, importações e exportações dos países do hinterland.

“Espera-se um crescimento na ordem de 5,6 por cento para o ramo rodoviário, acompanhando a dinâmica dos sectores produtivos, onde se projecta um incremento moderado, associado ao aumento do trafego de passageiros, resultando do reforço da frota de autocarros para os serviços públicos urbanos”, antevê o Governo.

No seu Plano Económico e Social para este ano, o Governo faz uma previsão para o subsector das comunicações, realçando que o mesmo poderá atingir um nível de crescimento satisfatório, resultante da competividade dos operadores das linhas, que resulta na oferta de melhores serviços aos clientes.

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction