TODOS os anos, a Universidade do Sul da Califórnia leva delegações da África para se reunir com líderes empresariais, funcionários do Governo e outros nos Estados Unidos. Mas este ano, a cimeira EUA-Africa não teve participantes africanos.  A todos lhes foram negados os vistos.

Uma cimeira havida semana passada nos Estados Unidos para discutir o desenvolvimento sustentável de África, não teve representantes africanos, porque nenhum teve permissão para entrar no país.

Cerca de 100 africanos foram proibidos de entrar nos Estados Unidos para participar da Cimeira de Desenvolvimento Econômico Global de África, que acontece todos os anos na Universidade do Sul da Califórnia.

A cimeira pretende encorajar as empresas norte-americanas a investir em África, particularmente no apoio à energia limpa, combate dos efeitos das mudanças climáticas e redução da pobreza.

O evento está aberto a empreendedores, corporações e líderes políticos e cívicos dos Estados Unidos e de África, cujos representantes têm a oportunidade de mostrar projectos que precisam de ajuda técnica ou investimento.

A presidente da Cimeira, Mary Flowers, falando à Voz da América (VOA) disse que "normalmente, 40% dos convidados têm a entrada dos EUA recusada, mas os outros vêm. Este ano (a recusa de vistos) foi de 100% (…) ”.

"Eu tenho que dizer que a maioria de nós sente que é um problema de discriminação com as nações africanas. Experimentamos isso uma e outra vez, e as pessoas rejeitadas são pessoas de negócios legítimos com vínculos com o continente ".

Os convidados africanos à cimeira incluíam palestrantes e representantes de Governos, de países como África do Sul, Serra Leoa, Guiné-Conacri, Gana, Nigéria e Etiópia. - VOA

 

Mais recentes

Breves

Editorial

Editorial
Sexta, 15 Setembro 2017
Mais um desafio se coloca à indústria açucareira nacional e regional, que se vê na iminência de perder um importante mercado em consequência da saída da Grã-Bretanha da União Europeia (UE). Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
TP50: Quando os amigos se cruzam é festa
Quarta, 20 Setembro 2017
FORMALMENTE TP50 existe há 10 anos, mas começou nos anos oitenta. Em abono da verdade, é preciso assumir que este projecto nada mais é que um encontro de amigos que, guiados pela crença de, através dos seus laços, edificar um mundo melhor, um Moçambique diferente, buscam fazê-lo com recurso às artes. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,77 61,93
ZAR 4,65 4,74
EUR 72,73 74,12

14.09.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

REGRESSANDO de uma viagem com a família, num desses fins-de-semana, um zeloso ...
2017-09-19 23:30:00
HOJE, mercê do novo edifício do Governo, foram criadas ...
2017-09-19 23:30:00
ANDAM por estes dias a Federação Internacional de Futebol Associado ...
2017-09-19 23:30:00
Há dias, o músico português António Manuel Mateus ...
2017-09-18 23:30:00
Eternas e ingénuas crianças. Crianças que, talvez por isso ...
2017-09-18 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1543 visitantes em linha