A DETENÇÃO do fundador do WikiLeaks é "uma prioridade" para a administração de Donald Trump, que luta contra a divulgação de informações sensíveis, afirmou na quinta-feira o procurador-geral norte-americano, Jeff Sessions.

A imprensa local, que citou dirigentes norte-americanos, informou que Washington está a elaborar a acusação, com vista à detenção de Julian Assange.

 “Vamos redobrar os nossos esforços no que diz respeito às fugas [de informação]”, declarou Sessions em conferência de imprensa.

“Esta é uma questão que está além de tudo o que eu conheça”, disse o procurador, referindo-se ao número elevado de fugas de informação.

“Procuramos colocar algumas pessoas na prisão”, afirmou.

Segundo o jornal Washington Post, os procuradores redigiram, nas últimas semanas, uma nota sobre as acusações contra Assange e membros do portal WikiLeaks, que podem incluir conspiração, roubo de propriedade do Estado e violação da lei federal de espionagem.

Julian Assange, de 45 anos, está refugiado na embaixada do Equador em Londres desde 2012, na tentativa de escapar a um mandado de detenção europeu por uma alegada violação na Suécia, que ele nega.

Assange receia ser extraditado para os Estados Unidos, onde arrisca sanções pesadas pela publicação em 2010 de documentos confidenciais militares e diplomáticos, em particular sobre as guerras no Iraque e no Afeganistão.

O australiano foi interrogado na embaixada a 14 e 15 de Novembro sobre a questão da violação, caso que remonta a 2010.

O caso voltou à ordem do dia devido às acusações das agências norte-americanas de informações contra a Rússia, de acordo com as quais Moscovo interferiu nas  presidenciais dos Estados Unidos para beneficiar Donald Trump, ao divulgar no portal do WikiLeaks documentos que desacreditaram a candidata democrata Hillary Clinton.

A Rússia negou categoricamente qualquer ingerência na campanha eleitoral norte-americana.

Versão-Impressa


Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 19 Maio 2017
O Conselho Constitucional declarou, há dias, inconstitucional a norma que confere ao ministro do pelouro do Trabalho a prerrogativa de revogar a autorização de trabalho de cidadãos estrangeiros. Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Festival Azgo: Som, cor e luz até ao raiar do...
Quarta, 24 Maio 2017
COMO já é habitual, no mês de Maio a cidade de Maputo pára a fim de acolher um dos festivais que aos poucos vai conquistando destaque na programação artística de Maputo e do país. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,10 61,27
ZAR 4,57 4,65
EUR 67,42 68,73

23.05.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

EM algumas famílias africanas, incluindo as moçambicanas, sobretudo no ...
2017-05-24 23:30:00
EM todos os países, sobretudo carenciados em infra-estruturas sociais e ...
2017-05-24 23:30:00
QUANDO Gambete caiu doente nunca alguém imaginou se tratar do ...
2017-05-23 23:30:00
DIZIA no primeiro texto desta série que a mais recente e abjecta ...
2017-05-23 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1830 visitantes em linha