Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, entregou, na quinta-feira, à Assembleia Nacional Constituinte o seu projecto de Constituição para ser apreciado e discutido pelo novo órgão, composto unicamente por membros próximos do governo.

“Quero entregar a esta magna Assembleia – como prometi – o meu projecto de Constituição para a República Bolivariana da Venezuela”, afirmou o chefe de Estado, numa sessão especial da Constituinte, indicando que o seu projecto visa “aperfeiçoar a Constituição pioneira de 1999”.

Composta por 545 membros, a Assembleia Constituinte foi eleita em 30 de Julho, em eleições boicotadas pela oposição, que não participou no processo por considerar que foram convocadas de maneira ilegítima.

A Constituinte, instalada no dia 04, sob denúncia de fraude eleitoral, é presidida pela ex-ministra dos Negócios Estrangeiros, Delcy Rodríguez.

O Presidente da Venezuela anunciou ainda que pretende "conversar pessoalmente" com o homólogo norte-americano, Donald Trump, tendo pedido ao chefe da diplomacia venezuelana para que tome as medidas necessárias.

“Tome medidas de modo a que eu possa ter uma conversa pessoal com Donald Trump”, afirmou Nicolás Maduro, dirigindo-se ao recém-nomeado ministro dos Negócios Estrangeiros, Jorge Arreaza, durante um discurso proferido perante a Assembleia Constituinte.

Maduro renovou o desejo de “restabelecer relações políticas, de diálogo e respeito” com os Estados Unidos. “Acredito na diplomacia”, afirmou, indicando que o diálogo pode ser mantido ao telefone ou pessoalmente, em Nova Iorque, por ocasião da Assembleia-Geral da ONU, marcada para 20 de Setembro.

Mas o Presidente venezuelano advertiu o homólogo norte-americano que Caracas tem “as armas na mão” no caso de um eventual ataque.

“A Venezuela nunca se renderá”, afirmou Maduro, sublinhando que o “império americano” deve saber disso.

Estas declarações chegam dias depois de Washington ter aplicado sanções económicas e migratórias sem precedentes contra duas dezenas de membros do Governo venezuelano, incluindo Maduro, que classificou de “ditador”, em resposta à eleição da Assembleia Constituinte em clima de violência.

Maduro renovou as críticas às sanções, afirmando não terem “base legal” e instou a presidente da recém-eleita Assembleia Constituinte, Delcy Rodríguez, a “procurar justiça” nos Estados Unidos.

Sábados

TEMA DE ...

A alegoria da caverna de Platão é esclarecedora quanto ...

CLICKADAS

...

José Craveirinha, o nosso poeta maior, escreveu: “O ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction