A PRESIDENTE da Assembleia da República, Verónica Nataniel Macamo, enalteceu, esta semana, em Sandton, República da África do Sul, o contributo que os mineiros moçambicanos prestam para o desenvolvimento económico do país.

Falando durante uma audiência que concedeu aos representantes dos mineiros, Verónica Macamo disse que os moçambicanos estão, agora, mais animados com a economia do país, fruto do trabalho do Presidente da República, Filipe Nyusi, do Governo e do Banco de Moçambique, bem como de outros actores da sociedade, visando superar as dificuldades que se vinham registando, como consequência de factores endógenos e exógenos.

Na ocasião, a presidente do Parlamento informou sobre os esforços que estão a ser empreendidos para melhoria da economia e sobre  o processo para o alcance da paz efectiva no país.

Por seu turno, o coordenador geral das comissões dos mineiros, Victor Cossa, disse ter pedido encontro de cortesia para saudar Verónica Macamo, no âmbito do Dia da Mãe.

“Estamos muito satisfeitos, particularmente com V. Excia. presidente da Assembleia da República, por ser mãe de todos nós”, afirmou, acrescentando que ele e os seus colegas de trabalho na terra do Rand têm estado a acompanhar todas as informações relacionadas com a vida sócio-política e económica do país, e sempre tem sabido articular com o Governo, através da representação diplomática moçambicana a nível local.

Cossa assegurou que os mineiros moçambicanos na África do Sul estão dispostos a dar a sua contribuição, multiforme, para o bem-estar para o país  e encorajam o Presidente Filipe Nyusi a prosseguir com as iniciativas tendentes a trazer a paz, harmonia e concórdia rumo ao desenvolvimento.

Na África do Sul trabalham, actualmente, cerca de 25.000 mineiros moçambicanos.

Versão-Impressa


Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 19 Maio 2017
O Conselho Constitucional declarou, há dias, inconstitucional a norma que confere ao ministro do pelouro do Trabalho a prerrogativa de revogar a autorização de trabalho de cidadãos estrangeiros. Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Regadio de Chimunda: Atraso no funcionamento...
Terça, 23 Maio 2017
CAMPONESES da região de Chimunda, arredores de Nova Mambone, vila-sede de Govuro, província de Inhambane, deploram o atraso no início do funcionamento do sistema de regadio construído na zona para fazer face à seca cíclica que inviabiliza melhores rendimentos agrícolas. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,10 61,27
ZAR 4,57 4,65
EUR 67,42 68,73

23.05.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

O MEU amigo Leonel Magaia publicou, há dias, no seu mural do Facebook, uma ...
2017-05-22 23:30:00
HÁ mais de ano e meio que não vou a Mafavuka e quase que em ...
2017-05-22 23:30:00
ATÉ hoje, acreditávamos que os desportos equestres eram praticados em ...
2017-05-22 06:11:05
ESTAVA eu a acompanhar o noticiário de uma das estaçoes televisivas do ...
2017-05-22 06:08:06
HOJE não tenho nenhum assunto para escrever. E como não tenho assunto ...
2017-05-22 06:03:08

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1997 visitantes em linha