A PROVÍNCIA da Zambézia precisa de maior atenção do Governo central em termos de investimentos a médio prazo, com vista a relançar a economia e melhorar as condições sociais da população, disse o Presidente da República, Filipe Nyusi, falando sábado, em conferência de imprensa, na vila-sede distrital de Lugela.

Falando a jornalistas, no fim da sua visita de três dias à província da Zambézia, o Chefe do Estado explicou que a mobilização do investimento público e privado resulta da necessidade de transformar o potencial agro-pecuário em riqueza real e oferecer novas oportunidades de vida e bem-estar da população que tem vindo a crescer.

Filipe Nyusi acredita que a mobilização dos investimentos poderá contribuir, de forma decisiva, para a “explosão” em termos de desenvolvimento. Contudo, chamou atenção para a necessidade dos pequenos e médios produtores e todas as pessoas a não “dormir por cima do ouro”, aconselhando-as a estabelecer parcerias com o sector privado, visando criar oportunidades de investimento para a instalação de fábricas de processamento de produtos agrários, localmente.

Para o Presidente da República, Zambézia deve também apostar na pecuária, nomeadamente a criação de frangos, cabritos e gado bovino. A província, segundo explicou, produz milho e soja que podem ser transformados em ração para alimentar os animais, e no que tange ao gado bovino, apesar de não haver tradição no sector familiar, há necessidade de quebrar esse ciclo.

Na ocasião, Filipe Nyusi afirmou também que os grandes projectos âncora para a província da Zambézia estão no bom caminho, nomeadamente a linha férrea Chitima-Macuse, Porto de Águas Profundas de Macuse, Zona Franca e Industrial de Mocuba, Porto Seco de Mocuba, produção de cimento e outros. Para ele, estes projectos, apesar de estarem numa fase bastante avançada, vão levar o seu tempo, mas a prioridade vai para os investimentos a médio prazo, não só para a província da Zambézia como para todo o país.

O Nyusi disse ainda que esta província soube responder com satisfação ao desafio de produzir culturas de bandeira como o arroz, milho, feijão-bóer e a soja e se os preços continuarem a melhorar podem criar estabilidade económica.

Para o Presidente, Zambézia é estável em termos agrícolas e cumpriu a meta em oitenta por cento do volume de produção agrícola, estimada em perto de sete milhões de toneladas. Neste contexto, no seu entendimento, no presente ano a província não vai enfrentar bolsas de fome.

O Chefe do Estado disse ainda que não obstante a esse progresso, no sector agrário houve adversidades que não permitiram a realização de algumas acções inscritas no Programa Quinquenal do Governo, sendo que o desafio passa pela electrificação dos postos administrativos.

Filipe Nyusi recomendou ao governo provincial para melhorar a comunicação com os municípios, de forma a criar o bem-estar da população nas autarquias. Indicou ainda que a prioridade será a electrificação rural, iluminação dos postos administrativos com energia da rede nacional.

Jocas Achar

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 20 Outubro 2017
O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, manifestou há dias, e de forma particularmente severa, a sua preocupação em relação aos elevados índices de corrupção que se registam no país, tanto no sector público quanto no... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Caia vira corredor de desenvolvimento
Quinta, 19 Outubro 2017
O ADMINISTRADOR do distrito de Caia, João Saize, considerou, há dias, em entrevista ao nosso Jornal, que nos últimos oito anos a região se transformou num verdadeiro corredor de desenvolvimento, com a entrada em funcionamento da Ponte Armando Guebuza, em Agosto de 2009. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,70 61,84
ZAR 4,43 4,51
EUR 71,53 72,88

11.10.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

HÁ alguns anos, o Governo do ex- presidente moçambicano, Joaquim ...
2017-10-20 23:30:00
MAIS um linchamento ocorreu ao princípio desta semana na cidade da Beira, ...
2017-10-20 23:30:00
TURMA, não posso ignorar esta chamada, serei rápido. Enquanto estou ...
2017-10-20 23:30:00
MOCÍMBOA da Praia, na província de Cabo Delgado, está desde ...
2017-10-19 23:30:00
Passam cerca de duas semanas que contei a história onde o personagem ...
2017-10-19 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 823 visitantes em linha