INICIOU ontem, em todas as províncias do país, o estudo e aprofundamento dos documentos a serem remetidos a debate no XI Congresso da Frelimo, a ter lugar de 26 de Setembro a 1 de Outubro, no Município da Matola, província de Maputo.

As sessões de estudo estão a ser dirigidas pelas brigadas centrais de assistência aos comités provinciais da Frelimo.

Entre os documentos em aprofundamento constam as propostas de revisão dos estatutos e do programa quinquenal do partido, o regimento do XI Congresso e o relatório do Comité Central à reunião máxima do partido.

O porta-voz da Frelimo, António Niquice, que deu a conhecer esta informação ontem à imprensa, indicou que esta é uma etapa extremamente importante do processo de preparação do XI Congresso, quando se está a 18 dias da sua realização.

“Trata-se de documentos cujas matérias constituem o aspecto central, com vista a aprimorar a máquina política do partido para discutir assuntos de interesse nacional. O estudo está a ser feito pelos delegados e convidados ao nível das províncias”, explicou.

Acrescentou que o estudo prévio dos documentos em causa vai permitir a consolidação dos debates iniciados na base com a sistematização das grandes ideias que irão contribuir para a formulação de políticas públicas.

Sublinhou que o estudo vai permitir a consolidação das expectativas dos moçambicanos, com relação às soluções concretas das suas preocupações, e ainda criar condições para que o partido seja mais unido e coeso.

“Esta metodologia de trabalho impulsionada pelo Presidente do Partido, Filipe Nyusi, vai permitir que os congressistas revisitem os conteúdos destes documentos, que também foram objecto de apreciação na última sessão do Comité Central, de modo a enriquecer o debate e as questões que, eventualmente, possam ter sido colocadas à parte”, afirmou.

De entre as matérias que interessam aos moçambicanos destaca-se, segundo Niquice, a questão da paz e tranquilidade e o comprometimento do Governo em relação ao aumento da produção e produtividade agrícola, cujos índices superam os registos dos últimos 20 anos.

“Nessa perspectiva, apelamos aos cidadãos para que cada faça a sua parte, no processo de processamento, comercialização até à exportação, com o objectivo de aumentar as receitas do Estado e reduzir o défice da balança de pagamento”, disse.

É nesta perspectiva que, segundo o porta-voz, a Frelimo encoraja o Governo a continuar com a busca de soluções mais acertadas para a resolução dos problemas que ainda apoquentam os moçambicanos.

Sobre o estágio da preparação do XI Congresso, António Niquice afirmou que as obras de construção do salão da Escola Central da Frelimo já estão na fase conclusiva e serão entregues antes da data marcada para o início desta reunião.

Espera-se uma participação no encontro de cerca de 3.500 pessoas, entre convidados e delegados nacionais e estrangeiros de partidos amigos e representantes da comunidade na diáspora onde o partido tem representação.

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 20 Outubro 2017
O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, manifestou há dias, e de forma particularmente severa, a sua preocupação em relação aos elevados índices de corrupção que se registam no país, tanto no sector público quanto no... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Caia vira corredor de desenvolvimento
Quinta, 19 Outubro 2017
O ADMINISTRADOR do distrito de Caia, João Saize, considerou, há dias, em entrevista ao nosso Jornal, que nos últimos oito anos a região se transformou num verdadeiro corredor de desenvolvimento, com a entrada em funcionamento da Ponte Armando Guebuza, em Agosto de 2009. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,70 61,84
ZAR 4,43 4,51
EUR 71,53 72,88

11.10.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

HÁ alguns anos, o Governo do ex- presidente moçambicano, Joaquim ...
2017-10-20 23:30:00
MAIS um linchamento ocorreu ao princípio desta semana na cidade da Beira, ...
2017-10-20 23:30:00
TURMA, não posso ignorar esta chamada, serei rápido. Enquanto estou ...
2017-10-20 23:30:00
MOCÍMBOA da Praia, na província de Cabo Delgado, está desde ...
2017-10-19 23:30:00
Passam cerca de duas semanas que contei a história onde o personagem ...
2017-10-19 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 826 visitantes em linha