Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

INICIOU ontem, em todas as províncias do país, o estudo e aprofundamento dos documentos a serem remetidos a debate no XI Congresso da Frelimo, a ter lugar de 26 de Setembro a 1 de Outubro, no Município da Matola, província de Maputo.

As sessões de estudo estão a ser dirigidas pelas brigadas centrais de assistência aos comités provinciais da Frelimo.

Entre os documentos em aprofundamento constam as propostas de revisão dos estatutos e do programa quinquenal do partido, o regimento do XI Congresso e o relatório do Comité Central à reunião máxima do partido.

O porta-voz da Frelimo, António Niquice, que deu a conhecer esta informação ontem à imprensa, indicou que esta é uma etapa extremamente importante do processo de preparação do XI Congresso, quando se está a 18 dias da sua realização.

“Trata-se de documentos cujas matérias constituem o aspecto central, com vista a aprimorar a máquina política do partido para discutir assuntos de interesse nacional. O estudo está a ser feito pelos delegados e convidados ao nível das províncias”, explicou.

Acrescentou que o estudo prévio dos documentos em causa vai permitir a consolidação dos debates iniciados na base com a sistematização das grandes ideias que irão contribuir para a formulação de políticas públicas.

Sublinhou que o estudo vai permitir a consolidação das expectativas dos moçambicanos, com relação às soluções concretas das suas preocupações, e ainda criar condições para que o partido seja mais unido e coeso.

“Esta metodologia de trabalho impulsionada pelo Presidente do Partido, Filipe Nyusi, vai permitir que os congressistas revisitem os conteúdos destes documentos, que também foram objecto de apreciação na última sessão do Comité Central, de modo a enriquecer o debate e as questões que, eventualmente, possam ter sido colocadas à parte”, afirmou.

De entre as matérias que interessam aos moçambicanos destaca-se, segundo Niquice, a questão da paz e tranquilidade e o comprometimento do Governo em relação ao aumento da produção e produtividade agrícola, cujos índices superam os registos dos últimos 20 anos.

“Nessa perspectiva, apelamos aos cidadãos para que cada faça a sua parte, no processo de processamento, comercialização até à exportação, com o objectivo de aumentar as receitas do Estado e reduzir o défice da balança de pagamento”, disse.

É nesta perspectiva que, segundo o porta-voz, a Frelimo encoraja o Governo a continuar com a busca de soluções mais acertadas para a resolução dos problemas que ainda apoquentam os moçambicanos.

Sobre o estágio da preparação do XI Congresso, António Niquice afirmou que as obras de construção do salão da Escola Central da Frelimo já estão na fase conclusiva e serão entregues antes da data marcada para o início desta reunião.

Espera-se uma participação no encontro de cerca de 3.500 pessoas, entre convidados e delegados nacionais e estrangeiros de partidos amigos e representantes da comunidade na diáspora onde o partido tem representação.

Sábados

...

TEMOS dito muitas vezes, aqui, que continuam enganados aqueles que pregam o ...

TEMA DE ...

O RESPEITO pelo bom profissional de saúde, reconhecendo publicamente ...

CLICKADAS

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction