Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

A COMISSÃO Nacional de Eleições (CNE) está a realizar um conjunto de seminários de formação em matéria de legislação eleitoral destinados a capacitar os órgãos de apoio.

 É neste contexto que na província de Manica o órgão de direcção e gestão eleitoral promoveu, há dias, eventos de género nos distritos de Gondola, Sussundenga, Manica e Báruè, com a participação de todos os actores ligados ao processo.

Trata-se de representantes dos partidos políticos, sociedade civil e funcionários dos secretariados técnicos da Administração Eleitoral (STAE) a nível distrital, que estão a ser capacitados em matérias ligadas à legislação eleitoral, organização do processo eleitoral, recenseamento, entre outras, visando reduzir, ao mínimo, nas eleições que se avizinham os erros registados no passado, no que diz respeito à gestão e compreensão do pacote legislativo

O segundo vice-presidente da Comissão Nacional de Eleições, Meque Brás, que presidiu a um dos seminários em Gondola, sublinhou o cometimento dos órgãos eleitorais em garantir que “a máquina não falhe”.

“Já não podemos errar”, disse, salientando que os erros do passado fazem parte do passado e que o caminho a seguir é no sentido de melhorar o desempenho dos órgãos eleitorais.

Referiu-se ao recenseamento eleitoral piloto, agendado para Novembro próximo, que visa aferir o grau de preparação do pessoal e equipamento para responder às dinâmicas do processo eleitoral, tendo em conta os pleitos eleitorais que se avizinham.

O recenseamento-piloto vai decorrer nas províncias de Nampula, Maputo e Sofala, escolhidas de forma aleatória, devendo abranger 52 postos.

Meque Brás disse ser intenção da CNE municiar os órgãos envolvidos no processo eleitoral de ferramentas técnicas, de modo a evitar, sobretudo, a ocorrência de falhas técnicas nas máquinas a serem usadas no recenseamento eleitoral do próximo ano, problemas na contagem dos votos, troca de boletins de voto, entre outras anomalias.

O segundo vice-presidente da Comissão Nacional de Eleições disse acreditar que com as formações em curso será possível, também, moldar a mente dos políticos e outros intervenientes do processo eleitoral no sentido de evitar escaramuças que têm ocorrido, sobretudo, nas campanhas eleitorais.

Precisou que os seminários visam, por outro lado, socializar e enquadrar, em termos legais, todos os membros dos órgãos de apoio da Comissão Nacional de Eleições, sabendo-se que são de proveniências diferentes, em termos de partidos políticos.

Já o presidente da Comissão Provincial de Eleições em Manica, Januário Rucheque, disse no final do seminário de capacitação havido em Gondola que, a avaliar pelos conteúdos assimilados, pode-se afirmar que os órgãos de apoio são proibidos de errar.

Sábados

CLICKADAS

TEMA DE ...

A multiplicidade étnica e religiosa é, sem dúvida, uma ...

...

A busca por um sistema educacional que incluísse as línguas, ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction