Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

ROQUE Silva Samuel, vice-ministro da Administração Estatal e Função Pública, é o novo secretário-geral do partido Frelimo, eleito na noite de ontem pelo Comité Central saído do XI Congresso. Formado em Administração Pública, Roque Silva, substitui Eliseu Machava, que vinha exercendo o cargo nos últimos cinco anos.

Tido como homem de muita acção e imaginação, o novo secretário-geral da Frelimo foi eleito com 96.41 por cento dos 195 membros do Comité Central, numa lista em que se apresentava como candidato único.

Natural do distrito de Morrumbene, província de Inhambane, Roque Silva vai chefiar um secretariado composto por quatro membros, também eleitos ontem pelo Comité Central. Trata-se de Chakil Abubacar, que concorria para a continuidade, Francisco Mucanheia, Caifadine Manasse (ambos deputados) e Sónia Macuvele, pela renovação.

Dados em nosso poder dão conta que o novo secretário-geral deverá apresentar na próxima sessão do Comité Central nomes de mais integrantes da sua equipa, consoante as áreas de trabalho que achar necessário criar.

O anterior secretariado do órgão era composto por oito membros, incluindo o secretário-geral. Faziam parte do elenco António Niquice, José Tomo Psico, Agostinho Trinta, Chakil Abucabar, Esperança Bias, Helena Muando e Aida Libombo.

Roque Silva já desempenhou as funções de administrador do distrito de Manjacaze, em Gaza, e primeiro secretário do Comité Provincial do partido Frelimo nesta província. Ainda ontem, o Comité Central elegeu, na sua I sessão, o Comité de Verificação, chefiado por Raimundo Maico Diomba, actual governador da província de Maputo.

Diomba, eleito com 99.49 por cento, substitui no cargo José Pacheco. Candidataram-se para o órgão nove elementos, nomeadamente Joana Mondlane, Ivo Garrido, Filipe Sitoe, Pedro Inglês, Francisco Cabo, José Chichava, Elias Muambo, Fernanda Moçambique Tonela e a jovem deputada Helena Música.

Ainda ontem, o Comité Central elegeu a Comissão Política, composta por 17 membros.

Na sua primeira intervenção, curta mas eloquente, o novo secretário-geral da Frelimo disse que a sua equipa tem consciência dos desafios que os esperam, deixando claro que está preparada para enfrentá-los.

Roque Silva afirmou haver clareza do trabalho que deve ser feito, pois o secretariado do Comité Central guiar-se-á pelos instrumentos do partido e pelo discurso do presidente da Frelimo proferido na abertura do XI Congresso. Também vai contar com o apoio de todos “os camaradas”, em particular do secretário-geral cessante, Eliseu Machava, que considera detentor de uma experiência que é património da Frelimo.

Mais pormenores na página de POLíTICA da presente edição.

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction