O PRESIDENTE da Frelimo e da República, Filipe Nyusi, exortou ontem a todos os moçambicanos a se lançarem ao trabalho para combater a fome e a pobreza.

Nyusi fez esta exortacao no showmício realizado na cidade da Matola, provincia de Maputo, destinado a divulgar as decisões do XI Congresso.

Explicou que este foi um dos assuntos largamente discutidos durante o congresso, porque a Frelimo considera a produção agrícola como uma das prioridades do país para a provisão de alimentos e geração de renda familiar.

“Reafirmamos, na nossa reunião, que queremos ter a capacidade de nos anteciparmos, produzir comida, prevenir doença e estudarmos para que a  ignorância e o obscurantismo não sufoquem as nossas mentes e as nossas capacidades”, disse o presidente da Frelimo.

No rol dos assuntos discutidos para o alívio do sofrimento dos moçambicanos, Nyusi explicou que o partido no poder debruçou-se sobre a necessidade de criação de condições para a provisão de mais água e energia eléctrica para as pessoas e a construção de mais estradas, pontes e o melhoramento das redes escolar, sanitária e de transporte.

Exortou os delegados ao congresso a replicarem a divulgação destes assuntos no seio dos militantes e dos moçambicanos, em geral.

O presidente da Frelimo referiu-se também à descentralização defendida pelo partido, afirmando que o seu aprofundamento vai permitir uma maior participação do povo na solução dos problemas locais, em vários domínios, incluindo na produção e utilização dos recursos gerados localmente. 

Sobre a paz, que considera ser uma das grandes preocupações do partido no poder, Nyusi reiterou que tudo tem de ser feito para que não haja homens armados em Moçambique e nem mortes devido a diferenças de opinião entre irmãos.

Apontou que os pilares do programa da Frelimo continuam a ser, com grande prioridade, a unidade, a paz, a democracia e a reconciliação nacional e a melhoria das condições de vida dos moçambicanos.

O showcomício de ontem serviu também para a apresentação dos membros dos novos órgãos eleitos no XI Congresso, nomeadamente o Comité Central, o Secretariado do Comité Central, o Comité de Verificação e a Comissão Política.

Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 23 Fevereiro 2018
A TRAGÉDIA que se abateu sobre a cidade de Maputo, na madrugada desta segunda-feira, matando 16 pessoas e ferindo outras tantas, em consequência do deslizamento do lixo nas proximidades do aterro de Hulene, chama à atenção para a necessidade de reflectirmos sobre o... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Pressão social empurra meninas para uniões...
Sexta, 23 Fevereiro 2018
Raparigas da localidade de Massaca, distrito de Boane, queixam-se da pressão social e dizem que está na origem dos casamentos prematuros. Com efeito, é-lhes dito que estando no lar vão dignificar a família e a comunidade, e muitas cedem a este conselho que as empurra para um futuro incerto. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,31 59,47
ZAR 4,74 4,83
EUR 70,23 71,64

25.01.2018   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

PARECE haver motivos bastantes para emprestar as palavras do polémico ...
2018-02-24 00:30:00
O SONO é um veneno que embriaga, paralisa o corpo, corta os movimentos e guia ...
2018-02-24 00:30:00
“Ide por todo o mundo, anunciai a Boa Nova a toda criatura” – Mc ...
2018-02-23 00:30:00
Há reportagens antigas  – nos jornais e televisões -  ...
2018-02-23 00:30:00
SÓ posso começar o presente texto dizendo mesmo isto: INAE, já ...
2018-02-23 00:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1704 visitantes em linha