Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

Mais de sete mil combatentes ainda não beneficiam de pensões, no país, segundo revelou a Vice-Ministra dos Combatentes, Maria de Fátima Pelembe, falando ontem, em Quelimane, província da Zambézia.

Segundo a Rádio Moçambique, trata-se de uma situação que ocorre quando faltam dois meses para o fim do processo de fixação de pensões a este grupo social.

O país conta, segundo os últimos registos de prova de vida, com cento e cinquenta e cinco mil combatentes da luta de libertação nacional e, de acordo com as recomendações do governo, o processo de fixação de pensões de todos deve terminar até ao dia 30 de Outubro próximo.

Maria de Fátima Pelembe, que avançou a informação, disse que a fase seguinte será a da fixação de pensões dos combatentes da luta de soberania e democracia.

Sábados

...

TEMOS dito muitas vezes, aqui, que continuam enganados aqueles que pregam o ...

TEMA DE ...

O RESPEITO pelo bom profissional de saúde, reconhecendo publicamente ...

CLICKADAS

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction