Uma mulher, mãe de quatro filhos, encontra-se encarcerada nas celas da segunda esquadra da Polícia da República de Moçambique em Chimoio, na sequência do indício de ter depositado um feto numa latrina, no bairro Mudzingadzi, arredores da capital provincial de Manica.

O feto aparentando seis meses de vida, foi encontrado no interior de uma latrina de uma casa vizinha. A indiciada confessou que a decisão de abortar e atirar o embrião à latrina deveu-se à recusa do seu parceiro q de assumir responsabilidade da gravidez.

A indiciada encontra-se agora na cela, enquanto aguarda do procedimentos legais para a sua responsabilização perante a justiça.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,31 59,47
ZAR 4,74 4,83
EUR 70,23 71,64

25.01.2018   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

PARECE haver motivos bastantes para emprestar as palavras do polémico ...
2018-02-24 00:30:00
O SONO é um veneno que embriaga, paralisa o corpo, corta os movimentos e guia ...
2018-02-24 00:30:00
“Ide por todo o mundo, anunciai a Boa Nova a toda criatura” – Mc ...
2018-02-23 00:30:00
Há reportagens antigas  – nos jornais e televisões -  ...
2018-02-23 00:30:00
SÓ posso começar o presente texto dizendo mesmo isto: INAE, já ...
2018-02-23 00:30:00