UMA quadrilha constituída por 17 malfeitores que, à calada da noite, se dedicavam a assaltos a residências, estabelecimentos comerciais e na via pública com recurso a armas brancas acaba de ser neutralizada pelas autoridades policiais na cidade de Tete.

De acordo com a porta-voz do Gabinete de Relações Públicas no Comando Provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM), Lurdes Ferreira, os malfeitores caíram nas mãos das autoridades depois da sua denúncia pelos populares, no âmbito da ligação Polícia/comunidade.

Disse que estão encarcerados nas celas da 1.ª Esquadra da PRM 11 indivíduos indiciados dos crimes de associação para delinquir, uma vez que os mesmos foram encontrados em flagrante delito na residência de um cidadão de nacionalidade chinesa, onde pretendiam protagonizar um roubo.

Explicou que os mesmos foram prontamente denunciados pelos trabalhadores da residência do chinês em causa, tendo uma equipa de patrulhamento da Polícia os surpreendidos em flagrante e os encaminhado à esquadra depois da sua neutralização.

“Temos ainda cinco indivíduos envolvidos no caso do assalto e roubo nas bancas do mercado OUA, na cidade de Tete, onde os mesmos surripiaram diversos bens como computadores, DVD, catanas e machados, tendo, de seguida, se posto em fuga com os bens roubados”, disse Lurdes Ferreira.

Depois de uma aturada perseguição, a PRM conseguiu recuperar todos os bens furtados e outro diverso material, como três pares de uniforme cinzento, dois pares de uniforme pingo de chuva, um par de botas e um casquete usado no uniforme de pingo de chuva, uniformes estes pertencentes à Polícia da República de Moçambique.

“Estamos a trabalhar para apurarmos a proveniência e o uso deste uniforme. Presumimos que estes malfeitores tenham se servido deste uniforme para alcançar os seus intentos criminais, fazendo-se passar por agentes da corporação”, disse a porta-voz do Comando Provincial da PRM em Tete.

Ainda em Tete, a Polícia deteve dois cidadãos que se faziam passar por agentes da Polícia de Investigação Criminal, interpelando, nos bairros da cidade, cidadãos para lhes extorquir dinheiro e outros bens de interesse e valor.  

De referir que na última quinzena de Agosto último a PRM conseguiu recuperar duas viaturas roubadas na vizinha África do Sul, com destino ao Malawi, estando em curso trâmites judiciais para a entrega das mesmas aos respectivos proprietários.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,31 59,47
ZAR 4,74 4,83
EUR 70,23 71,64

25.01.2018   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

PARECE haver motivos bastantes para emprestar as palavras do polémico ...
2018-02-24 00:30:00
O SONO é um veneno que embriaga, paralisa o corpo, corta os movimentos e guia ...
2018-02-24 00:30:00
“Ide por todo o mundo, anunciai a Boa Nova a toda criatura” – Mc ...
2018-02-23 00:30:00
Há reportagens antigas  – nos jornais e televisões -  ...
2018-02-23 00:30:00
SÓ posso começar o presente texto dizendo mesmo isto: INAE, já ...
2018-02-23 00:30:00