Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

Opinião

Politica

O GOVERNO vai privilegiar a contratação, no próximo ano, de mais funcionários para as áreas da agricultura, saúde e educação, por acreditar ...

quarta, 14 novembro 2018
Leia +

Nacional

ESTÃO criadas as condições para o arranque, hoje, dos exames finais da 5.a classe e do 3.o ano de educação de adultos no país, sendo que os materiais ...

quarta, 14 novembro 2018
Leia +

Autárquicas 2018

O último acórdão do Conselho Constitucional, o mais alto órgão em matéria constitucional e eleitoral, concorda com a decisão do Tribunal Distrital da ...

quarta, 07 novembro 2018
Leia +
Pub
SN

Desporto

STANLEY Ratifo vai falhar o jogo da Selecção Nacional de futebol (“Mambas”) domingo com a Zâmbia, agendado para as 15.30 horas no Estádio Nacional do Zimpeto, a ...

quarta, 14 novembro 2018
Leia +

Economia

Normal 0 false false false EN-US X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer4 ...

quarta, 14 novembro 2018
Read more

Tecnologias

A automaçãovem ganhando cada vez mais espaço em projectos de vivendas e edifícios de piso, como alternativa para garantir mais segurança, conforto e acessibilidade, ...

quarta, 14 novembro 2018
Leia +

A ESTAÇÃO Central dos Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM), na baixa da cidade de Maputo, foi escolhida pelo “Finantial Express”, publicação internacional sedeada na Índia, como uma das nove mais belas do mundo.

A estação moçambicana foi incluída numa lista restrita da qual fazem parte infra-estruturas do género de todo o mundo. Ela é a única de África e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).   

As outras oito estações eleitas como as mais belas do mundo são as de Antuérpia e Liège (Bélgica), London St. Pancras (Inglaterra), Terminal de Nova Iorque (Estados Unidos), Kuala Lumpur (Malásia), Atocha e Madrid (Espanha), Kanazawa (Japão) e Flinders Street Station e Melbourne (Austrália). 

Segundo o artigo acabado de publicar, a estação ferroviária de Maputo é um testamento para a história do país. O local promove exposições, concertos musicais e alberga um museu ferroviário, pensado nos anos 1960 e inaugurado no ano passado.

As obras da estação, em tijolo cozido e cimento, iniciaram-se em 1908. A sua conclusão viria a acontecer a 19 de Março de 1910. Foi inaugurada em cerimónia informal com a presença do governador-geral na altura, Freire de Andrade. Contudo, a imponência com que se lhe conhece hoje só se verificaria a partir de 1916.

Por várias ocasiões foi reconhecida internacionalmente. Em 2011 a estação foi escolhida pela prestigiada revista norte-americana “Newsweek” como a sétima mais bela do mundo. No mesmo ano foi distinguida pela revista “Travel+Leisure” como uma das 14 mais bonitas do planeta.   

A Estação dos CFM é uma obra secular concebida pelo arquitecto francês Gustave Eiffel, cujo nome ficou eternizado pela famosa torre parisiense por si desenhada e que leva o seu nome.

Em Moçambique, o francês concebeu também a Casa de Ferro, implantada nas proximidades do Jardim Tunduru, onde funciona hoje a Direcção Nacional do Património, tutelada pelo Ministério da Cultura e Turismo.    

 

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction