UMA média de 15 usuários de drogas é internada, mensalmente, na enfermaria de psiquiatria para sua desintoxicação no Hospital Central da Beira, em Sofala.

Estes pacientes chegam a esta unidade sanitária com várias perturbações psíquicas devido ao consumo de drogas e outras substâncias nocivas à saúde, conforme deu a conhecer Lindomar Maforga, psicólogo clínico do sector da Saúde em Sofala.

Falando hoje à Rádio Moçambique, por ocasião das celebrações do Dia Internacional contra o Tráfico e Consumo Ilícito de Drogas, Lindomar disse que este fenómeno trás um impacto negativo na sociedade, sendo os maiores consumidores adolescentes e jovens.

Ainda segundo este especialista da área da saúde mental, os pacientes ficam muitas vezes com sinais de depressão e o tratamento consiste na retirada das substâncias no organismo e no psicológico.

“Não é fácil tirar alguém da tóxico-dependência, mas temos alguns casos de sucesso e outros vão caindo numa rotina (…), entram e passam pelo tratamento, voltam à comunidade, entram de novo, mas podemos dizer que alguns fazem o tratamento e não voltam mais a consumir e vão tendo este acompanhamento e aconselhamos às pessoas a continuar numa base semanal, mensal e trimestral”, explicou Maforga.

Este acompanhamento permite controlar e não perder de vista este paciente, porque temos aquela questão de uma vez tóxico-dependente, sempre tóxico-dependente, referiu Lindomar Maforga.

Na província de Sofala a droga mais consumida é a cannabis sativa, vulgarmente chamada soruma, que é mais produzida nos distritos de Búzi, Chibabava e Gorongosa.

A ONU criou o Dia Internacional que marca a luta contra as drogas a 26 de Junho de 1987, no âmbito da primeira conferência internacional sobre o tráfico e consumo ilícito de drogas.

O TRIBUNAL Judicial de KaMpfumo, na cidade de Maputo, agendou para 3 de Julho a apresentação das  alegações finais do Ministério Público e da defesa, no âmbito do julgamento do ex-Ministro da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos.

AS famílias retiradas das barreiras da zona da Malanga encontraram em Mwambalambate um novo lugar para relançar a vida. Faz um ano que esta nova página se abriu e já lá vai o tempo em que viviam em construções desordenadas e sobre permanente perigo de vida.

ESTÁ suspenso das suas actividades, desde terça-feira última, um professor da escola secundária geral de Pebane, na província da Zambézia, que alegadamente terá obrigado seis alunos a beber água, enquanto estavam de jejum, por ocasião do sagrado mês de Ramadão, na religião islâmica.

AS autoridades policiais e técnicos da empresa Caminhos de Ferro de Moçambique estão a trabalhar, desde a noite de ontem, na busca das causas do acidente ferroviário registado na ponte sobre o rio Incomáti, no distrito de Magude, província de Maputo.

A POLÍCIA da República de Moçambique (PRM), na província de Niassa, neutralizou, este fim-de-semana, um grupo de malfeitores acusados de semear terror desde o princípio do ano, no distrito de Cuamba.

UM comboio de mercadorias colidiu ontem com sete viaturas provocado cinco feridos, dos quais um em estado grave, na Linha do Limpopo, à entrada da vila de Magude, Km 124, na ponte sobre o rio Incomáti.

Pelo menos dez furos multiusos deverão entrar em funcionamento este ano em diversos pontos do distrito de Magude, província de Maputo, o que vai amenizar a crise de água potável que afecta a população e gado neste ponto do país. Leia mais

Versão-Impressa


Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 23 Junho 2017
DOIS momentos marcaram esta semana o contacto entre o Banco de Moçambique e a comunicação social, nomeadamente o ponto de situação da economia nacional e os esclarecimentos à volta do processo que culminou com a venda do Banco Moza à Kuhanha –... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Mandimba faz de tudo para não passar fome
Terça, 27 Junho 2017
Há cada vez menos pessoas a se envolverem no cultivo e comercialização de tabaco, no distrito de Mandimba, província de Niassa, desânimo associado à falta de chuvas que se registou na campanha agrária passada e que provocou prejuízos enormes aos produtores. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,83 60,97
ZAR 4,66 4,75
EUR 66,81 68,07

22.06.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

CONTRA as minhas próprias convicções, sou impelido a concordar ...
2017-06-27 06:45:03
ESTÁ um frio do catano. Me penetra até aos ossos, que os imagino ...
2017-06-27 06:43:12
EM 1975, eu ainda era pequeno. Com a idade que tinha, naturalmente não me ...
2017-06-26 07:35:13
A PREPARAÇÃO para ir a Foto Mia, a única casa de fotografia de ...
2017-06-26 07:30:10
NOS últimos dias, a actividade de “car wash” na cidade de Maputo ...
2017-06-26 07:25:47

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 2165 visitantes em linha