A POLÍCIA de Fronteira em Cabo Delgado recebeu ontem duas motos para reforçar as acções de patrulha ao longo da linha fronteiriça com a vizinha República Unida da Tanzânia.

Segundo Joaquim Sive, comandante da Polícia da República de Moçambique neste ponto do país, os meios foram alocados aos agentes da quarta companhia da Polícia de Fronteira, posto de travessia de Namoto, no distrito de Palma, no limite com a região de Mutuara, na Tanzânia.

Este ponto do país tem registado grande pressão de imigrantes ilegais. Assim, segundo Joaquim Sive, com estes meios a capacidade de fiscalização fica reforçada, devendo os polícias controlar melhor o fluxo de violadores.

Para Teófilo Nhampossa, assessor do ministro do Interior, que procedeu à entrega dos meios em nome do titular do pelouro, a alocação destes meios se enquadra nos esforços do sector para assegurar a inviolabilidade da linha de fronteira.

Nhampossa apelou, sobretudo, à melhor conservação dos mesmos por parte dos polícias para que possam durar mais tempo e realizar um trabalho de extrema importância na defesa da soberania nacional.

Refira-se que a Polícia de Fronteira e o Serviço de Migração estão sobre alerta máximo dada a possibilidade de entrada no país, através da linha de fronteira entre a província de Cabo Delgado e a vizinha Tanzânia, de agentes pertencentes à rede do crime organizado transfronteiriço disfarçados de turistas.

Dada a presença de sinais claros de redes criminais que pretendem introduzir os seus agentes no país, estas unidades foram instruídas para uma vigilância mais apurada da linha de fronteira com a Tanzânia.

Versão-Impressa


Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 17 Março 2017
A cólera volta a ser um grande problema para a saúde em Moçambique, agora também em províncias que há vários anos não registavam casos da doença. A primeira ilação que se pode tirar é que pode ter havido relaxamento... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Indústria de Confecções: Um gigante que cedeu...
Terça, 21 Março 2017
A INDÚSTRIA de confecções teve momentos de glória em Moçambique e na região. Mas com o tempo ficou moribunda e colapsou. Não resistiu às vicissitudes do mercado, deixando milhares de operários à sua sorte.  Leia mais Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 68,74 68,84
ZAR 5,42 5,43
EUR 73,76 73,87

17.03.2017   Banco de Moçambique

Temperatura

25.02.2017    INAM

Opinião & Análise

É DELICADO o assunto que trago para esta semana, porque susceptível de ...
2017-03-22 07:46:11
DEMOCRACIA é um conceito actualmente usado, de forma arbitrária, em ...
2017-03-22 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 4339 visitantes em linha