OS sindicatos consideram que o custo de vida no país tem estado a sufocar os trabalhadores, em razão do agravamento dos preços dos principais produtos alimentares, a nível nacional.

A preocupação foi levantada ontem, em Maputo, num seminário nacional sobre “O posicionamento do movimento sindical no actual contexto de desenvolvimento económico e social de Moçambique”, que juntou trabalhadores e especialistas na área económica.

O encontro, organizado pela Fundação Friedrich Ebert, tinha como objectivo promover uma reflexão conjunta sobre as causas estruturais da crise e seu impacto na vida dos trabalhadores moçambicanos.

O evento de um dia visava, igualmente, a troca de experiência, tendo como ponto de partida as lutas sindicais de outros países para desenvolver estratégias e intervenções em defesa dos direitos da classe trabalhadora e do desenvolvimento económico.

Alexandre Munguambe, secretário-geral da Organização Moçambicana dos Trabalhadores (OTM-Central Sindical), afirmou que os efeitos da crise continuam a afectar a vida dos trabalhadores.

Disse que apesar do optimismo manifestado pelo Governo, em relação ao fim da crise, os trabalhadores continuam a sentir os seus efeitos.

Tina Andrade, representante da Fundação Friedrich Ebert, uma organização alemã sem fins lucrativos comprometida com os valores da democracia social, disse que do encontro serão sistematizadas respostas sobre como é que os sindicados devem fazer a diferença, trazendo melhorias na vida dos trabalhadores.

 

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 16 Fevereiro 2018
A autoridade gestora de recursos hídricos anunciou, esta semana, maus dias pela frente, no que diz respeito ao abastecimento de água às cidades de Maputo, Matola e Vila de Boane. Na origem da situação está o facto de a barragem dos Pequenos Libombos, o... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Textáfrica: Gigante pode voltar a labutar
Terça, 13 Fevereiro 2018
PARALISADA há mais de duas décadas, a Textáfrica, gigante da indústria têxtil nacional localizado no bairro da Soalpo, na cidade de Chimoio, província de Manica, poderá voltar a produzir algodão, roupa e criar postos de trabalho. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,31 59,47
ZAR 4,74 4,83
EUR 70,23 71,64

25.01.2018   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

O PAÍS, de modo particular as zonas norte e centro, está a ser ...
2018-02-17 00:30:00
GLÓRIAMaria, hoje tive a certeza de que a terceira idade é um ...
2018-02-17 00:30:00
DESDE que a 7 de Fevereiro, o mais alto magistrado da nação anunciou, ...
2018-02-16 00:30:00
CÁ estou eu de novo, depois de um repouso que já roçava a ...
2018-02-16 00:30:00
DURANTE as escaramuças que opuseram as Forças de Defesa e ...
2018-02-16 00:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1652 visitantes em linha