ESTÁ hoje e amanhã, na cidade de Quelimane, a conferência nacional da rapariga, sob o lema “Investir em nós é Garantir o Desenvolvimento de Moçambique” da qual participa o Alto-comissário de Canadá Antoine Chevrier. O evento conta com 300 participantes, dos quais 180 raparigas, 50 rapazes bem como alto dignitários e representantes do governo e da sociedade civil.

A conferência tem por objectivo reforçar o diálogo nacional sobre os direitos humanos das raparigas como forma de construir alternativas mais eficazes para garantir um ambiente em que elas gozem de uma vida digna, sã, plena e livre de práticas prejudiciais ao seu crescimento e desenvolvimento.

O Alto-comissário de Canadá discursando hoje no encontro de Quelimane refere que: “Canadá reconhece que a promoção da igualdade de género e o cumprimento dos direitos humanos das mulheres e raparigas são fundamentais para o alcance da redução da pobreza, da paz, do crescimento económico e do desenvolvimento sustentável. Por isso, os próximos investimentos canadianos serão canalizados para questões relacionadas com a igualdade de género. Até 2022, o meu governo espera que 95% da sua programação promova a igualdade do género de forma integrada, o que implica um trabalho junto dos homens e rapazes”.

 A Conferência que é liderada pelo Governo, pela Fundação para o Desenvolvimento da Comunidade e pela Coligação para Eliminação dos Casamentos Prematuros em Moçambique (CECAP) e conta com o apoio da Embaixada do Reino da Suécia e do Sistema das Nações Unidas, com destaque para o Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA), no âmbito da Iniciativa Rapariga BIZ.

Mais recentes

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 23 Fevereiro 2018
A TRAGÉDIA que se abateu sobre a cidade de Maputo, na madrugada desta segunda-feira, matando 16 pessoas e ferindo outras tantas, em consequência do deslizamento do lixo nas proximidades do aterro de Hulene, chama à atenção para a necessidade de reflectirmos sobre o... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Pressão social empurra meninas para uniões...
Sexta, 23 Fevereiro 2018
Raparigas da localidade de Massaca, distrito de Boane, queixam-se da pressão social e dizem que está na origem dos casamentos prematuros. Com efeito, é-lhes dito que estando no lar vão dignificar a família e a comunidade, e muitas cedem a este conselho que as empurra para um futuro incerto. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,31 59,47
ZAR 4,74 4,83
EUR 70,23 71,64

25.01.2018   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

PARECE haver motivos bastantes para emprestar as palavras do polémico ...
2018-02-24 00:30:00
O SONO é um veneno que embriaga, paralisa o corpo, corta os movimentos e guia ...
2018-02-24 00:30:00
“Ide por todo o mundo, anunciai a Boa Nova a toda criatura” – Mc ...
2018-02-23 00:30:00
Há reportagens antigas  – nos jornais e televisões -  ...
2018-02-23 00:30:00
SÓ posso começar o presente texto dizendo mesmo isto: INAE, já ...
2018-02-23 00:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1670 visitantes em linha