Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

A ministra do Trabalho, Emprego e Segurança Social, Vitória Diogo, disse que uma das apostas do governo é modernizar, ainda no presente quinquénio, os serviços prestados pelo Instituto Nacional de Segurança Social (INSS), com vista a garantir maior celeridade na fixação de pensões e subsídios.

A ministra, que discursava ontem, na cidade de Inhambane, na abertura do XXIX Conselho Coordenador do ministério, que decorre sob o lema “Modernizar a Administração do Trabalho para Melhor Servir”, disse que no mesmo âmbito foi concluída a informatização global do Sistema de Informação da Segurança Social de Moçambique.

“Agora já é possível disponibilizar, através de celular com internet, o extracto do beneficiário e do contribuinte; o envio das declarações de remunerações e guias de pagamento de contribuições. Já estamos a realizar a prova de vida biométrica e o cálculo automático das prestações de segurança social”, referiu Diogo.

De acordo com a ministra, citada pela AIM, no âmbito destas e outras acções também se faz sentir o impacto da simplificação de procedimentos na redução do tempo de espera.

Com efeito, antes podia se chegar a dois anos para se obter uma pensão, mas agora, sublinhou, são necessários entre 15 e 30 dias. Os subsídios que levavam três meses agora passaram para sete dias, e o subsídio de funeral é dado no mesmo dia em que é solicitado.

“Hoje, o cidadão, no conforto da sua casa, no seu escritório, na internet café ou mesmo no mercado, já pode ter informações sobre a sua situação contributiva e assim poder confirmar se o empregador já canalizou ou não a sua contribuição à segurança social, o que torna a ‘Plataforma Minha Contribuição Meu Benefício’ em verdadeiro fiscal da situação contributiva”, indicou.

A ministra explicou que estas reformas tornaram a gestão do sistema mais rigorosa e transparente e resultaram no rastreio de irregularidades e fraudes que ao longo deste mandato (2015-19) culminaram na instrução de 82 processos disciplinares, tendo 14 funcionários sido expulsos, seis demitidos, 15 despromovidos, 28 multados, dois repreendidos publicamente, dois advertidos e 15 com processos arquivados.

Segundo informou, foi também possível poupar pouco mais de 716,2 milhões de meticais (cerca de 12,3 milhões de USD) de despesas administrativas e aproximadamente 45,3 milhões de meticais relativo ao bloqueio de fraudes.

Sábados

CLICKADAS

...

OS problemas, enquanto vivos, sempre estarão presentes. Obviamente ...

TEMA DE ...

SEMPRE que se pensa em ir à busca de um serviço ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction