Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

A PRIMEIRA-DAMA de Moçambique, Isaura Nyusi, apela ao envolvimento de todos na remoção das barreiras que dificultam o pleno desenvolvimento das mulheres e raparigas, em particular, e do país, em geral. Leia mais

Comments

As organizações da sociedade civil vão debater, a partir de hoje, formas de ocupar espaços de influência no país durante a conferência nacional, que reúne diversas entidades, em Maputo.

A VI Conferência Nacional das Organizações da Sociedade Civil (OSC) dá continuidade ao encontro nacional e anual que reúne representantes das mais diversas entidades, instituições governamentais e parceiros internacionais para “coordenar e concertar ideias”, anuncia a organização, em comunicado.

O objectivo passa pelo “fortalecimento da sociedade civil e formas de resgate do seu espaço de influência em prol da democracia e defesa dos direitos humanos no país”.  
As organizações deverão fazer um balanço das suas actividades no país desde a conferência realizada no último ano, incluindo na agenda discussões temáticas sobre as interações entre as OSC, defensores dos direitos humanos e o governo.
O debate vai contar com informação, relatos de experiências práticas e concretas das diferentes redes e fóruns espalhados pelo país.

Comments

A Organização dos Trabalhadores Moçambicanos – Central Sindical (OTM-CS) organiza hoje e quinta-feira o seu sétimo congresso, numa altura em que a legislação laboral está sob revisão.

A precariedadee os despedimentos são os temas que mais preocupam os trabalhadores, de acordo com Samuel Matsinhe, líder da OTM-CS, que apela à mobilização para o debate da nova lei.

Segundo explicou, à luz da nova proposta legislativa há uma disposição legal que permite às pequenas e médias empresas manterem trabalhadores com contrato a prazo durante dez anos.

Por outro lado, “assiste-se a despedimentos em massa, uma vez que é fácil despedir”, ou seja, face a qualquer dificuldade, a primeira coisa que se faz, antes de se esgotarem outros meios de resiliência, é despedir a mão-de-obra.

O congresso que hoje arranca vai eleger novos corpos directivos e rever os estatutos, acrescentou Samuel Matsinhe.

A Organização dos Trabalhadores Moçambicanos – Central Sindical conta com 180 mil membros.

 

Comments

Cerca de 62 biliões de meticais, o equivalente a 11 por cento do Produto Interno Bruto nacional, são gastos, anualmente, em acções de combate à desnutrição infantil no país, com vista à erradicação da malnutrição até 2030, tal como recomendam as Nações Unidas, no âmbito dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável. 
O governo, em parceria com o sector privado e organizações não-governamentais, está a trabalhar em diversos pontos do país na implementação de projectos nutricionais, principalmente nas zonas consideradas mais críticas.
Um dos parceiros do governo é a Fundação Sérgio Gago, que realizou um estudo-piloto sobre os efeitos do consumo da farinha de banana na melhoria do estado nutricional dos alunos da Escola Primária Completa de Mutsekwa, no distrito municipal da Katembe. 
Segundo a Rádio Moçambique, na apresentação do relatório do estudo, ontem, em Maputo, o presidente da Fundação, Aníbal Samuel, explicou que a introdução da farinha de banana na alimentação das crianças melhora o aprendizado e pode contribuir para a redução do índice de reprovações nos petizes dos seis aos 14 anos.
O relatório concluiu, também, que há pouca introdução de papas enriquecidas na dieta alimentar de dezenas de crianças envolvidas no estudo. 
Criada há pouco mais de três anos, a Fundação Sérgio Gago diz que em breve será feito um estudo similar no distrito de Chibuto, província de Gaza.

 

 

Comments

Homens armados mataram quatro pessoas num ataque perpetrado na aldeia de Machava, no distrito de Nangade, na província de Cabo Delgado.
Segundo a AIM, que cita o Mediafax na sua edição de ontem, os agressores atacaram a aldeia em plena luz do dia, entre as 12 e 13 horas locais de sábado último.
Uma das vítimas era membro da administração do distrito de Nangade e as restantes eram pai e dois filhos. Na altura do ataque, o funcionário fazia-se transportar num tractor, que carregava castanha de caju da aldeia para a vila de Nangade.
De acordo com testemunhas oculares, seguidamente, os atacantes incendiaram o tractor.
No mesmo dia, já por volta das 23.00 horas, os invasores investiram sobre a aldeia Quinto Congresso, onde, segundo a fonte, encontraram resistência, tendo, na sequência do ataque, dois milicianos ficado feridos, um dos quais morreu mais tarde no Hospital Distrital de Mueda. Quando abandonaram a aldeia, os malfeitores incendiaram 43 casas.
O administrador do distrito de Nangade, Dinis Mitandi, disse ao Mediafax, que não poderia dar detalhes, uma vez que estava de férias nos últimos quatro dias. Não confirmou nem desmentiu os ataques, disse apenas “que uma vez que eu não estava lá, não posso descrever o que aconteceu”.

 

Comments

Subcategorias

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction