Director: Lázaro Manhiça

O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, definiu como missão imediata das Forcas Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) o restabelecimento da paz no norte de Cabo Delgado, bem como no centro do país, regiões seriamente afectadas por actos terroristas.

Ordens nesse sentido foram transmitidas aos novos chefe e vice-chefe do Estado Maior General das FADM, nomeadamente, Eugénio Mussa e Bertolino Capitine, no acto de posse,decorrido ontem no Quartel General, em Maputo.

Filipe Nyusi recomendou ainda que a missão deve ser cumprida numa actuação coordenada com as demais Forças de Defesa e Segurança (FDS) e em estreita colaboração com a população.

Nyusi disse que os recursos africanos que muito bem poderiam constituir a salvação do continente, tornaram-se numa maldição e têm sido alvo de pilhagem sistemática, vendo-se o país hoje, mergulhado em ataques terroristas com o objectivo de se delapidar as suas riquezas.

As acções terroristas em Cabo Delgado e da Junta Militar da Renamo, nas províncias de Manica e Sofala, são algumas das ameaças sobre as quais as FDS devem continuar a dar resposta com cada vez maior contundência e eficácia combativa.

“A resposta deve estar conjugada com a capacidade da valência de cada uma das componentes das Forças de Defesa e Segurança, em geral, e das Forças Armadas de Defesa de Moçambique, em particular. À pátria moçambicana colocam-se hoje desafios e ameaças que clamam por uma maior acutilância, dinamismo e eficácia na acção das Forças Armadas de Defesa de Moçambique”, disse Filipe Nyusi, acrescentando que, para a concretização deste objectivo, impõe-se o aprimoramento dos seus níveis organizacionais e de combatividade.

Defendeu que o cumprimento cabal da missão de preservar a paz e tranquilidade em Moçambique é a única condição que permitirá continuar a trilhar pelo caminho do desenvolvimento, realçando que o alcance desse desiderato não virá do acaso, mas das acções que forem levadas a cabo pelo comando das FADM.

O Presidente da República que é igualmente o Comandante-Chefe das Forcas de Defesa e Segurança explicou que a mudança no comando do exército tem em vista imprimir este dinamismo que se pretende reflectido em todas as áreas das FADM. Insere-se também no refrescamento do sector e na busca de uma equipa a quem está depositada a confiança de que conferirá maior velocidade no cumprimento cabal da missão constitucionalmente consagrada.

Referiu ainda que os novos dirigentes militares tomam posse numa altura em que o país, a região e o mundo enfrentam enormes adversidades decorrentes da ocorrência de vários fenómenos e do estágio do próprio processo de edificação da nação.

“Referimo-nos aos pilares da paz, consolidação do Estado de Direito Democrático e da impreterível agenda de desenvolver Moçambique, num cenário em que temos de responder e superar alguns desafios de realce que podem pôr em causa a soberania e marcha rumo ao desenvolvimento”, disse Nyusi.

Acrescentou que as acções dos terroristas em partes da província de Cabo Delgado, que têm como consequência o surgimento massivo de deslocados e os ataques armados em pontos localizados das províncias de Manica e Sofala, afectam a livre circulação de pessoas e bens.

Em reconhecimento aos antigos chefe e vice-chefe do Estado Maior General, Filipe Nyusi disse que durante os anos em que dirigiu as FADM, o General do Exército, Lázaro Menete, não obstante as condições adversas, soube cumprir com zelo, disciplina e responsabilidade as tarefas acometidas, com elevado sentido patriótico e de missão.

“Pretendemos, de igual modo, deixar uma palavra de apreço ao Tenente-General, Raul Dique, pelo profissionalismo e papel central desempenhado na qualidade de vice-chefe do Estado Maior General das Forças Armadas de Defesa de Moçambique”, disse Nyusi, acrescentando que com o seu comando, os inimigos do povo moçambicano nao conseguir lograr os seus intentos.

Eugénio Mussa, que substitui no cargo Lázaro Menete, foi promovido apatente de General do Exércitoe Bartolino Capitine ao posto de Tenente-General, lugar antes ocupado por Raul Dique.

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction