PHC

Director: Lázaro Manhiça

O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, tem previsto hoje (17) um conjunto de encontros com importantes empresas francesas, muitas das quais presentes em Moçambique, como é o caso da petrolífera Total.

O encontro com o presidente da Total tem lugar na sede da gigante petrolífera francesa e Filipe Nyusi estará acompanhado pelo Ministro da Economia e Finanças, Adriano Maleiane, do seu conselheiro Omar Mithá e do presidente do Conselho de Administração do INP (Instituto Nacional do Petróleo), Carlos Joaquim Zacarias.

O encontro será seguido de um almoço com a direcção da companhia petrolífera.

A Total é actualmente o mais importante investidor estrangeiro em Moçambique, com um investimento de cerca de 20 mil milhões de dólares, no maior projecto em África do sector de hidrocarbonetos com promessas de gerar postos de empregos e aumentar a renda das famílias e contribuir com receitas para o Estado.

Preve-se que no encontro seja abordada a situação da segurança e que Governo moçambicano apresente as garantias de segurança para a continuação do projecto de Gás Natural Liquefeito, paralisado devido aos ataques terroristas que recentemente assolaram o distrito de Palma.

Além do presidente da Total, o Chefe do Estado recebe hoje em audiências separadas os presidentes da EGIS, a maior companhia francesa de engenharia consultiva, da Technip, da CIS, empresa que tem como negócio principal Catering e Gestão de Instalações, e da Societé Generale, um dos maiores bancos da Europa. Todas estas empresas estão presentes em Moçambique e quase todas com relações aos projectos de gás da bacia do Rovuma.

Embora o encontro com a Total seja visto como o mais importante nesta campanha de diplomacia económica do Chefe do Estado à França, ao nível das relações bilaterais com Paris é esperada a assinatura de pelo menos quatro acordos, nomeadamente um memorando relativo a consultas políticas e trocas de informações entre os chefes das diplomacias dos dois países, um outro entre o Banco de Moçambique, a embaixada da França em Maputo e a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) para a assistência técnica ao banco central moçambicano para combater o branqueamento de capitais; um acordo de convenção de financiamento entre a AFD e o Ministério da Economia e Finanças para apoiar a redução de perdas não técnicas da EDM e um sobre dívida.

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction