Imprimir
Categoria: Beira
Visualizações: 781

Os Estados Unidos vão disponibilizar 650 mil dólares para apoiar a Direcção Provincial de Saúde de Tete, informa um comunicado da embaixada norte-americana em Maputo, citado pela Lusa.

O apoio "representa um novo capítulo de uma parceria de longa data entre os governos americano e moçambicano e irá resultar numa prestação de serviços de saúde mais eficaz e eficiente na província de Tete", refere o documento, distribuído hoje à imprensa.

O montante irá servir para apoiar a prestação de saúde, com destaque para pessoas portadoras de HIV/Sida, acrescenta o documento.

A província de Tete tem uma das taxas mais baixas de prevalência do HIV no país, segundo dados avançados pelo governo norte-americano.

A estimativa mais recente de prevalência do HIV/Sida entre moçambicanos com idade entre 15 e 49 é de 13,2%.

O número de doentes com HIV/Sida que beneficiam de tratamento anti-retroviral em Moçambique triplicou entre 2013 e 2017.

O país continua a ser o segundo da África Austral e Oriental com maior número de novas infecções por ano, depois da África do Sul, segundo dados de organizações internacionais.