Director: Lázaro Manhiça

A tempestade tropical moderada Chalane, de categoria dois, cuja previsão inicial dava indicação de que provocaria ventos de 90 quilómetros por hora com rajadas de 110 e epicentro muito perto da cidade da Beira na madrugada de ontem, registou um pequeno desvio de sistema aliviando sobremaneira os residentes desta urbe, ainda recordados do ciclone Idai que fustigou a urbe em Março de 2019. O fenómeno provocou um morto.

Falando ontem a jornalistas nesta cidade, o porta-voz do Instituto Nacional de Meteorologia (INAM), Acácio Tembe, afirmou que com o desvio de sistema a tempestade entrou pelas regiões de Dondo e Muanza, facto que deixou a cidade da Beira livre da tempestade.

Deste modo, a capital de Sofala registou uma precipitação abaixo de 30 milímetros contra os 100 previstos em seis horas.

“Mesmo assim, na cidade da Beira, por volta das zero horas, começaram a registar-se ventos intensos tendo o pico se dado cerca das 6.00 horas da manhã e atingido perto de 104 quilómetros por hora”, explicou Tembe.

Revelou, entretanto, que a cidade da Beira poderá registar chuvas fracas até sábado, 2 de Janeiro.

Enquanto isso, falando igualmente ontem à comunicação social, o presidente do Conselho Municipal da Beira revelou que uma pessoa perdeu a vida no bairro da Manga Loforte quando caiu num poço existente na zona.


CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction