Director: Lázaro Manhiça

TRÊS funcionários da Sociedade do Notícias, SA passaram hoje (17) à reforma, por terem atingido idade prevista na Lei de trabalho.

Trata-se de Rogério Sitóe, Domingos Macassa e Constância Cuambe.

Para marcar esta data, o Conselho de Administração da Sociedade do Notícias organizou um brinde no qual reconheceu a dedicação destes trabalhadores, muitos deles ligados ao “Notícias” desde muito cedo.

Na ocasião, Júlio Manjate, Presidente do Conselho de Administração (PCA), agradeceu e elogiou os trabalhadores pelo seu contributo no crescimento e sucesso da empresa.

“Naturalmente que em vários momentos poderão ser solicitados para contribuir com os vossos conhecimentos nalgum projecto. Aceitem naquilo que for possível fazer. Nós também não sentiremos vergonha em pedir apoio ou conselho sempre que houver necessidade”, sublinhou. 

Acrescentou que os que passam à reforma, naturalmente, que deixam legado.

Rogério Sitóe, reformado, classificou o momento como simbólico e de muita honra. Afirmou que chegou a fase de fechar o ciclo, iniciado em 1980, altura em que ingressou na instituição.  

“Dediquei toda a juventude ao serviço da empresa. A minha vida está associada à instituição. Foram vários desafios enfrentados ao longo destes anos. Hoje saio com sentido de missão cumprida”, afirmou. 

Sitóe recomendou aos gestores a apostar na modernização e inovação, visando enfrentar os desafios impostos e garantir a continuidade do desenvolvimento da instituição. 

Rogério Sitóe exerceu o cargo de director Editorial do Jornal Notícias e administrador da Sociedade do Notícias, SA, para além de jornalista.

Domingos Macassa, técnico gráfico, manifestou satisfação por ter dado a sua contribuição na empresa durante 39 anos. 

Explicou que durante este período se dedicou a produzir um Jornal de qualidade.

“O Notícias ajudou-me a crescer profissionalmente e hoje tenho muita experiência. Tenho uma dívida para com esta casa. Termino a jornada com o sentimento de dever cumprido”, frisou. 

Comments

QUATRO indivíduos, entre os quais uma mulher, foram hoje (16) detidos na 3ª Esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM) por suspeitas de venda e consumo de diversos tipos de estupefacientes, com os quais foram encontrados.

Trata-se de A. André, A. João, C. Venâncio e Constância F., detidos numa residência no bairro da Coop, especificamente na zona militar, popularmente tratada por Colômbia, na posse de 119 unidades de heroína, uma saqueta de Cannabis Sativa, vulgarmente conhecida por soruma, cuja quantidade não foi especificada e 500 gramas de Cocaína.  

A rusga policial àquela zona resultou de uma denúncia anónima, que levou aos agentes da 3ª Esquadra, no raio da referida zona, a dirigir-se ao local, onde os quatro detidos foram surpreendidos, três dos quais a consumir os estupefacientes.

Em conversa com o “Notícias”, o Chefe das Operações da 3ª Esquadra da Polícia, Ernesto Muhai, afirmou que os detidos já têm os processos-crime instruídos, devendo ser encaminhados às autoridades competentes.

Acrescentou que este tipo de operações serão permanentes naquela zona residencial e arredores, uma vez ser considerada uma área potencial onde se comercializa e consomem drogas proibidas por lei.

Comments

A AGÊNCIA Metropolitana de Transportes (AMT) vai introduzir a partir de Novembro, o sistema de cobrança electrónica designado Cashless, visando pôr fim ao uso do dinheiro físico para pagamento de passagens no transporte  público-privado.

O gestor do projecto, José Nhavotso, afirmou que o sistema vai maximizar o uso do cartão Famba, e consequentemente reduzir a fuga de receitas colectadas, a contrafação e negociação de bilhetes manuais com os passageiros e impulsionar a digitalização da moeda no transporte público.

Nhavotso observou que o sistema Cashless será antecedido pela bonificação, a partir de Outubro, dos passageiros que usarem mais vezes o cartão Famba para viajar na área metropolitana do Grande Maputo.

O gestor explicou  ainda que para a colecta de dados fidedignos  sobre os viajantes que usam poucas vezes o cartão Famba, a AMT introduziu a 1 de Junho, o bilhete electrónico designado QR, que consiste no pagamento da taxa, fixa, em dinheiro físico.

Desta forma, usando os dois sistemas, a AMT registou desde Fevereiro mais de 7 milhões de passageiros, dos quais cerca de 125 mil usam o cartão Famba nos autocarros.

O gestor da bilhética electrónica, indicou que até  Agosto, o uso do cartão Famba, e do bilhete QR permitiu a colecta de  mais de 73 milhões de meticais de receita, distribuída entre os operadores públicos e privados.

Nhavotso afirmou ainda que persiste como desafios a não abertura do sistema electrónico, pela tripulação, sujeitando o passageiro a usar o bilhete QR, para pagamento da passagem. "A não habilitação do sistema, através do sheep personalizado com identidade dos motoristas visa aumentar a circulação da moeda física nos autocarros e, facilmente, manipular as  receitas e reduzir a  transparência na  declaração de rendimentos ao Estado", sublinhou o gestor.

 Sem avançar datas, José Nhavotso disse ainda que a AMT ambiciona expandir o sistema de bilhética electrónica a mais de 5 mil transportes  de passageiros semi-colectivo em toda área metropolitana e, brevemente, serão introduzidos 80 autocarros  movidos a gás.

Comments

A PROPOSTA da nova postura municipal sobre cães, gatos e animais exóticos e o papel da comunidade no controlo da raiva, está em debate desde a manhã de hoje (16), em Maputo, num fórum organizado pelo Conselho Municipal desta urbe.

Sob o lema “Sim aos factos, e não ao medo” o evento pretende melhorar as acções de controlo da raiva na capital do país, segundo apurou o Notícias Online, de fonte da edilidade.

O fórum foi aberto pelo Presidente do Conselho Municipal de Maputo, Eneias Comiche, e conta com a presença de vereadores, directores, académicos e especialistas em veterinária.

Comments

O EDIL do Município de Maputo, Eneas Comiche, dirige amanhã (16), na capital do país, o fórum municipal sobre raiva, um encontro que se realiza sob o lema “Sim aos Factos, Não ao Medo”.

O ponto mais alto do evento, que visa melhorar acções de controlo desta doença na autarquia, será o debate em torno da nova postura municipal sobre cães, gatos e animais exóticos, bem como o papel do envolvimento comunitário no controlo da raiva.

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction