Imprimir
Categoria: Maputo
Visualizações: 731

O antigo ministro dos Transportes e Comunicações, Paulo Zucula, foi detido no âmbito das investigações sobre o caso Odebrecht/Aeroporto de Nacala, segundo escreve a Carta, na sua edição de hoje.

Segundo o diário electrónico, o processo numero 58/GCCC/17’ IR, em investigação no Gabinete Central de Combate a Corrupção, constituiu dois arguidos, nomeadamente Paulo Zucula e Manuel Chang.

De acordo com a Carta, Zucula eh acusado de ter recebido subornos no valor de 135 mil dólares norte americanos.

A Odebrechet declarou as autoridades judiciais moçambicanas ter feito pagamentos, no período de 20111 a 2014, de 900 mil dólares norte americanos a altos funcionários do Governo durante o processo de construção do Aeroporto Internacional de Nacala.

A legalização da prisão será feita, ainda segundo o mesmo diário.