Imprimir
Categoria: Desporto Internacional
Visualizações: 1591

SERÁ conhecido hoje o país organizador do Campeonato do Mundo de Futebol de 2026, cuja votação terá lugar em Moscovo. Marrocos faz parte das duas candidaturas já anunciadas pela Federação Internacional de Futebol (FIFA) para a organização do grande evento desportivo planetário com participação, desta feita, de 48 equipas.

Para além do país africano, concorre para a organização da prova EUA, México e Canadá (organização conjunta).

A candidatura norte-americana parece estar, porém, em vantagem neste momento, pelo menos a avaliar pelos relatórios que a FIFA apresentou sobre as duas hipóteses já adiantadas.

A BBC, citada por maisfutebol, refere que a avaliação à candidatura de Marrocos foi 2,7, num máximo de cinco, enquanto a conjunta foi avaliada com nota quatro.

Contra a opção africana, há ainda o facto de a FIFA ter classificado três áreas com “alto risco”. Desde logo, por considerar que dos 14 estádios apresentados por Marrocos, nove ainda não estão construídos e os cinco restantes “exigem renovação ou modernização significativa”, revela a cadeia televisiva britânica.

As outras avaliações de “alto-risco” avançadas pela BBC referem-se ao facto de apenas dois dos 14 estádios terem sido avaliados como tendo “níveis suficientes de acomodação”; e também a questão do alojamento e da oferta de transportes também serem insuficientes.