Director: Lázaro Manhiça

A SELECÇÃO Nacional de Futebol de Sub-20, vulgo “Mambinhas”, viajou ontem (09) com destino a Nouakchott, capital da Mauritânia, numa viagem bastante curta, que teve a duração de duas horas e meia.

Os Mambinhas efectuaram ainda ontem (09), no Complexo Desportivo Pére Jego, um treino de recuperação, depois da desgastante viagem que teve escalas em Joanesburgo (África do Sul), Doha (Qatar) e Casablanca (Marrocos). Mesmo com a alteração da rota do voo, que anteriormente estava prevista para obedecer escalas em Portugal e Marrocos, por se tratar de um percurso menos longo, a viagem decorreu sem sobressaltos.

Num ambiente descontraído e bastante animado, os treinados de Dário Monteiro privilegiaram um treino descontraído e animado, sempre em permanente contacto com a bola. Os “Mambinhas” irão terminar o seu ciclo preparatório na Mauritânia, tendo em vista a sua participação na 22ª edição do Campeonato Africano das Nações (CAN), que arranca no dia 14 de Fevereiro, devendo terminar a 6 de Março deste ano.

A estreia de Moçambique será diante do Uganda, no dia 15 de Fevereiro, na primeira jornada do grupo “A”, pelas 15.00 horas, no Stade Olympique Nouakchott. Na segunda jornada, o combinado nacional entra em cena no dia 17 do mesmo mês, jogando com a anfitriã Mauritânia, pelas 21.00 horas, no campo acima mencionado. Os “Mambinhas” encerram a fase de grupos com os Camarões, no dia 20 de Fevereiro, pelas 21.00 horas, no sintético de Nouakchott. 

Dando uma actualização de dados relativamente aos três jogadores que acusaram positivo para a Covida-19 na cidade de Maputo, o médico da selecção moçambicana Mussa Mamudo Calu disse ao nosso Jornal que “temos a notícia de que eles são assintomáticos e estão a recuperar no hotel onde estão alojados. Esperamos que eles venham a tempo de integrar a equipa. Ao fim de oito dias, eles deverão fazer um teste de controlo”.

Dário Monteiro, técnico da selecção: Estamos a trabalhar na recuperação da equipa

“TIVEMOS um treino tranquilo depois de uma viagem complicada, mas isso fazia parte do nosso itinerário e do nosso programa. Neste momento estamos a trabalhar no sentido de garantir que a equipa responda bem na competição. Depois de 14 horas de voo era necessário recuperar os jogadores. Estamos preocupados mais connosco do que com os nossos adversários e é por essa razão que estamos a trabalhar para nos apresentarmos da melhor forma. Eles são uma preocupação, mas a grande preocupação reside em olhar primeiro para o que fazemos!”, disse o técnico Dário Monteiro.

(Texto e fotos de RAIMUNDO ZANDAMELA, em Casablanca)

Comments

SACRIFÍCIO e muito trabalho é a promessa que a Selecção Nacional Sub-20 deixou ontem na hora da partida para Mauritânia onde vai disputar a 22ª edição CAN, que arranca no dia 14 de deste mês e termina a 6 de Março.

A delegação moçambicana, composta por 42 elementos, dos quais 25 são jogadores, partiu de Maputo a Marrocos, onde prevê efectuar, hoje, segunda-feira, um treino de descompressão, antes de seguir a Nouakchott, capital da Mauritânia, no dia 12.

Uma derrota (1-2) diante da União Desportiva do Songo e um empate sem golos frente ao campeão provincial de Tete, Bagamoyo FC, foi o que os treinados de Dário Monteiro produziram nos 10 dias de estada na Vila de Songo, enquanto em Nampula, o combinado nacional averbou duas derrotas, uma diante da selecção provincial (1-3) e a segunda frente ao Ferroviário de Nacala (1-2).

Já em Maputo, os campeões da 27ª edição da COSAFA realizaram quatro jogos, dos quais venceram dois, respectivamente o Matchedje (2-1) e o Estrela Vermelha (1-0). A derrota sofrida foi diante da Associação Black Bulls (ABB), por 2-1, e, em igual número empataram diante do Costa do Sol, campeão nacional em título.

A cidade de Nouakchott, a capital da Mauritânia e a cidade de Nouadhibou são as seleccionadas para acolher o CAN.

Quatro casos positivos

DEPOIS dos exames de despiste ao novo coronavírus, quatro jogadores testaram positivo e não puderam seguir viagem. Sem se avançar muitos detalhes sobre o assunto, sabe-se que ainda esta  semana poderá seguir igual número de jogadores em substituição daqueles.

Eis a lista dos 25 inicialmente convocados:

Guarda-redes: Kimiss (Black Bulls), Simone (Black Bulls) e Fazito (Ferroviário de Nampula);

Defesas:Foia (Ferroviário da Beira), Aylon (Black Bulls), Belarmino (Maxaquene), Dias (Maxaquene), Rene (Black Bulls) e Cleyde (Black Bulls); 

Médios:Celton (Black Bulls), Cardoso (Ferroviário de Maputo), Dércio (Black Bulls), Andrassone (Ferroviário da Beira), Jossias, José Zavala (Dj) (Black Bulls), Jossias (Liga Desportiva de Maputo), Keyns (Costa do Sol), Osama (Costa do Sol), Miguel (Black Bulls), Valdimiro (Black Bulls), Zidane (Sport Real Massamá) e Gianluca (SC Varzim);

Avançados:Gaby (Sertanense), Ivan (Asant Sport Clube), Pablo (Nacional da Madeira) e Simon (Black Bulls)

Comments

O COSTA do Sol, detentor do título, foi surpreendido, ontem, pelo ENH de Vilankulo, ao perder, em casa, por 1-0, na partida da quarta jornada do Moçambola-2021. Esta é de resto a grande surpresa da jornada, numa partida em que os “canarinhos” até desperdiçaram uma grande penalidade cobrada por Jorge, a atirar para as “nuvens”.

 Os campeões nacionais marcam passo na corrida pela revalidação do título, embora haja ainda muito campeonato por disputar, somando agora seis pontos, em oitavo lugar, a quatro do líder Black Bulls.

Já o ENH passa para o terceiro lugar em igualdade pontual (nove) com o Ferroviário da Beira, que conseguiu o resultado mais volumoso da ronda ao receber e golear o Incomáti, por 3-0. Os “locomotivas” são agora o segundo classificado, enquanto a equipa de Xinavane sai da segunda posição para a sexta com seis pontos. Em Nampula assistiu-se ao jogo mais produtivo da jornada, com cinco golos anotados na vitória da União Desportiva do Songo sobre o Ferroviário de Nacala, por 3-2.

Com o triunfo, os “hidroeléctricos” sobem para o quinto lugar com oito pontos, enquanto os “locomotivas” caem para o 10º, com quatro.

Em Chimoio, o Textáfrica estreou-se a vencer no campeonato na recepção ao Matchedje de Mocuba. 1-0 foi o resultado final que reanima os “fabris” que vinham fazendo uma campanha cinzenta. Com a vitória, o Textáfrica troca de posições precisamente com o Matchedje, que cai do 13º para 14º posto.

Em Lichinga, o Ferroviário local recebeu e derrotou o seu homónimo de Nampula, por claros 2-0, outro resultado também surpreendente. Com efeito, os “locomotivas” da capital provincial do Niassa sobem para o sétimo posto, com seis pontos, enquanto os de Nampula caem para o 11º, com os mesmos três (pontos) com que entraram para a jornada.

A jornada começou no sábado, com o Ferroviário de Maputo a travar a líder Black Bulls com um empate a uma bola, no Tchumene. Na mesma tarde, o Desportivo e a Liga Desportiva de Maputo não foram para além de um nulo.

O Moçambola vai observar um interregno de pelo menos 30 dias à luz do Decreto Presidencial, no contexto das medidas anti-Covid-19. A próxima ronda, a quinta (ainda sem data), tem como jogo de destaque a recepção à líder Black Bulls pelo UD Songo, bem como o duelo entre os Ferroviário de Nampula e da Beira, na capital do Norte.

Comments

A SELECÇÃO Nacional de Futebol Sub-20 parte amanhã, domingo, com destino a Nouakchott, capital da Mauritânia, onde tomarão parte na 22ª edição do Campeonato Africano das Nações (CAN), a realizar-se de 14 de Fevereiro a 6 de Março.

A delegação moçambicana é composta por 42 elementos, dos quais 25 são atletas. A viagem terá escalas em Joanesburgo, Doha e Marrocos, estando prevista a chegada à Mauritânia no dia 10 do mês corrente, havendo a referir que à última hora houve alteração na rota da viagem, que estava prevista para ter escala em Lisboa.

Em Marrocos o combinado nacional vai realizar um treino, numa acção que será viabilizada graças à parceria existente entre a Federação Moçambicana de Futebol (FMF) e a sua congénere marroquina.

Cerca de 10 selecções das 12 que irão participar neste CAN estão acampadas em Marrocos, incluindo os Camarões, adversário de Moçambique no grupo “A”.

 

No rescaldo do estágio pré-competitivo de 10 dias realizado na vila do Songo, uma derrota (2-1) diante da União Desportiva do Songo e um empate sem golos frente ao campeão provincial de Tete, Bagamoyo FC, foi o que os treinados de Dário Monteiro produziram. Já em Nampula, o combinado nacional averbou duas derrotas, uma diante da selecção provincial (3-1) e a segunda frente ao Ferroviário de Nacala (2-1).

Já em Maputo, os campeões da 27ª edição do torneio regional COSAFA realizaram quatro jogos, tendo perdido dois e alcançado igual número de vitórias. Estes jogos pré-competitivos foram importantes e possibilitaram à equipa técnica aferir os níveis de competitividade e, sobretudo, corrigir alguns erros que persistem  no seio da equipa treinada por Dário Monteiro, auxiliado por Mauro Jamal, Saedate Moveia e Daniel Matsul, este último treinador de guarda-redes. Leia mais

Comments

A SELECÇÃO Nacional de Futebol Sub-20 empatou na noite de ontem (1-1) diante do Costa do Sol, campeão nacional, em partida referente à preparação do Campeonato Africano das Nações (CAN), que se realiza na Mauritânia, de 14 de Fevereiro a 6 de  Março. 

Os “Mambinhas” que entraram a vencer, inauguraram o marcador à passagem do minuto 47 por intermédio de Simon Cipriano, enquanto o queniano,  Raymond, novo reforço do emblema “canarinho” igualou o marcador aos 86 minutos.  

Mesmo jogando diante dos campeões nacionais em título, os treinados de Dário Monteiro não se intimidaram e actuaram de forma aguerrida forçando que o nulo prevalecesse até ao final da primeira parte. Ainda com alguma inconsistência no ataque, os representantes nacionais procuraram contrariar as adversidades impostas pelo jogo, o que foi  positivo nesta fase.  

Refira-se que, nesta etapa, Dário Monteiro alinhou um segundo grupo de jogadores, com o objectivo de observar minuciosamente a consolidação dos processos ensaiados ao longo da semana.

Longe do resultado animador, a equipa de Dário Monteiro, Mauro Jamal e Daniel Matsul já vêm o resultado do trabalho aturado, que a equipa está a demonstrar desde a altura em que iniciou o estágio pré-competitivo nas províncias de Tete, Nampula e Maputo. No cômputo geral, este empate reforçou a confiança do conjunto nacional. 

Hoje, os jogadores da selecção nacional serão submetidos aos testes da Covid-19, enquanto amanhã,  os campões da COSAFA medirão forças com a equipa do Estrela Vermelha, pelas 13.00 horas no sintético da Académica, naquele que será o último jogo de controlo no solo pátrio, antes de seguir à Mauritânia. Ainda no mesmo dia, está prevista a realização de uma conferência de imprensa, onde o técnico nacional, Dário Monteiro, fará a divulgação dos 25 jogadores que irão compor a lista final. 

Sporting não “liberta” Geny 

É OFICIAL. O internacional moçambicano a serviço do Sporting Clube de Portugal não vai poder juntar-se à selecção Sub-20 em Lisboa, neste sábado,  depois dea direcção do emblema leonino ter mostrado a indisponibilidadeatravés de um ofício enviado à Federação Moçambicana de Futebol (FMF), no dia 29 de Janeiro. 

“Vimos pelo presente reiterar a informaçãoenviada anteriormente (anexo). Não nos é possível dispensar o Geny Catamo  no intervalo solicitado, visto que o mesmo se encontra integrado na nossa estrutura profissional, que estará em actividade no respectivo período e com competições oficiais visto não se tratar de uma data FIFA. Aproveitamos para vos desejar os maiores sucessos para o CAN-2021”, lê-se na carta. 

Geny era até então o único “estrangeiro” que estava em falta para completar a lista dos convocados indicados por Dário Monteiro e, que seria uma mais-valia para o ataque dos “Mambinhas”. Refira-se que, Geny Catamo está no Sporting Clube de Portugal desde 2019, cedido por outro clube da região de Lisboa, o Amora FC.

O jovem jogador fez percurso por todas as selecções nacionais de base, nomeadamente Sub-17, Sub-20 e Sub-23. Nos “Mambas”, Genyfez quatro jogos e marcou um golo.

(Texto e fotos de RAIMUNDO ZANDAMELA )

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction