Imprimir
Categoria: Economia
Visualizações: 539

TREZENTOS e cinquenta cidadãos que desenvolvem as suas actividades, informalmente no bairro de Tsalala, cidade da Matola, poderão dentro em breve estar licenciados. Para o efeito, a Câmara do Comércio e Indústria Juvenil de Moçambique (CCIJM), da província de Maputo, o Instituto Nacional de Segurança Social, instituições bancárias, entre outros sectores, estiveram sexta-feira no bairro, a sensibilizar os cidadãos a aderir ao licenciamento para o exercício legal das suas actividades, no âmbito da campanha “Quero ser formal”. Leia mais