Imprimir
Categoria: Economia
Visualizações: 3213

Uma fábrica de produção de açúcar orgânico com capacidade entre 35 e 40 toneladas por dia começou a funcionar recentemente no distrito da Moamba, província de Maputo.

O empreendimento é resultado de um investimento de 30 milhões de euros e pertence à Pure Diets Moçambique, uma empresa de capitais indianos.

A informação foi avançada ao “Notícias” pelo director nacional da Indústria, Mateus Matusse, o qual disse que a fábrica ocupa uma área de cinco mil hectares, na  localidade de Malengane, posto administrativo de Sábiè.

Segundo Mateus Matusse, cerca de 95 por cento da produção da companhia é exportado para os principais mercados da Europa e o restante alimenta o mercado moçambicano.

A empresa no momento emprega 400 trabalhadores nacionais, a maior parte dos quais afectos aos campos de produção de cana-de-açúcar, que utiliza 300 toneladas de cana bruta por dia.

De acordo com a fonte, para além da extensão de terra destinada à produção de cana-de-açúcar a companhia também compra a matéria-prima dos agricultores espalhados um pouco pelos distritos da província de Maputo.

De recordar que durante uma visita no ano passado às instalações o governador da província de Maputo, Raimundo Diomba, desafiou os agricultores da região a aumentar a produção agrícola.

Esta é a segunda fábrica no país a produzir açúcar orgânico, depois da de Chemba, na província de Sofala.