Director: Lázaro Manhiça

O escritor Mia Couto considerou ontem que é preciso uma "ponte" para o diálogo de modo a conter a violência na província de Cabo Delgado, embora admita dificuldades devido ao desconhecimento dos autores dos ataques armados.

A força militar é uma solução, mas sozinha "é um desastre" e, por isso, "é preciso que haja essa possibilidade de haver uma ponte", disse o escritor Mia Couto, momentos depois da cerimónia de tomada de posse do Presidente Filipe Nyusi.

Para o escritor, citado pela Lusa, o diálogo é essencial para acabar com a violência armada naquela província, entretanto questiona: "Vamos conversar com quem?", reconhecendo que a inexistência de um rosto que assuma a autoria dos ataques.

"Sem essa definição, de quem é que está do outro lado, é muito difícil", lamentou Mia Couto.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction